Muco nas fezes

INDICE


Muitas vezes, o muco nas fezes indica uma inflamação do intestino (cólon inflamado).
Pode ocorrer com:

O muco é uma substância que pode ser:

  • Transparente,
  • Amarela ou amarelada,
  • Branca ou esbranquiçada.

Não tem uma cor marrom ou marrom claro como as fezes normais.
A consistência é semelhante a da geléia e é produzida pela mucosa do intestino grosso.

Muco nas fezesO muco é produzido por outros órgãos do corpo (por exemplo, os pulmões), onde ajuda a capturar partículas estranhas que inalamos.
No intestino, o muco:

  • Protege a parede interna,
  • Facilita o trânsito das fezes.

A perda de muco nas fezes não é um motivo para ter ansiedade, mas pode ser um sinal de uma doença.

O muco:

  • Lubrifica a parede interior dos órgãos,
  • Permite ao material fecal de passar sem problemas.

Uma pequena quantidade de muco nas fezes é normal.
No entanto, grandes quantidades de muco podem significar uma doença intestinal quando ocorrem junto com:

Em caso de muco nas fezes incomum precisa sempre começar com um minucioso exame médico para determinar a causa subjacente.
Certos tipos de cânceres intestinais causam mais muco que a média, encontrando o muco nas fezes não significa automaticamente que uma pessoa tem um tipo específico de câncer, incluindo o câncer colorretal.

 

Causas de muco nas fezes

Uma quantidade anormal de muco nas fezes pode ser causada por várias doenças, por exemplo:

O muco nas fezes pode ser causado por doenças do aparelho digestivo, incluindo:


Infecção intestinal
Uma infecção bacteriana gastrointestinal pode ser:

  • Uma intoxicação alimentar por Salmonella,
  • Uma infecção causada por campylobacter,
  • Diarréia do viajante.

Geralmente, nestes casos o médico prescreve antibióticos e enzimas mesmo se o paciente é uma criança.

Disenteria bacteriana
A disenteria é uma infecção bacteriana que provoca a produção de muco.
Ocasionalmente, uma pessoa pode ter:

  • Pus nas fezes,
  • Fezes vermelhas (sangue nas fezes),
  • Dor abdominal,
  • Uma perda de peso não intencional.

Estes são sintomas graves de infecção que podem ser mortais se a infecção não for tratada.

A gastroenterite viral (infecção gastrointestinal) pode causar:

  • Náusea,
  • Vómito,
  • Diarreia,
  • Febre,
  • Cólicas abdominais.

As infecções por parasitas intestinais tais como Giardia lamblia podem causar:

  • Diarreia,
  • Má absorção,
  • Obstrução intestinal (em casos graves).

Alguns tipos de vermes no intestino, por exemplo os oxiúros causam coceira anal grave, especialmente à noite.

 

Colite ulcerativa
Na colite ulcerativa, a membrana mucosa do intestino grosso (cólon):

  • Torna-se inflamada,
  • Desenvolve pequenas lesões que são chamadas de úlceras.

Estas feridas sangram e podem causar a produção de:

  • Pus,
  • Muco.

O muco pode ser bastante volumoso é e visto saindo junto com as fezes.


Síndrome do intestino irritável (SII)
Na síndrome do intestino irritável, pode haver um aumento da produção de muco no intestino que sai junto com as fezes.
O muco pode se formar:

  • Especialmente no caso de SII com diarréia predominante,
  • Raramente se o paciente sofre de SII com constipação-predominante ou de forma alternada.

 

A doença de Crohn
A expulsão do muco nas fezes dos adultos é possível, mas raro em pessoas que têm a doença de Crohn.
Quando se encontra um muco filamentoso nas fezes de uma pessoa que tem a doença de Crohn, pode também estar ligado ao desenvolvimento das fissuras anais.Crohn

Abscesso retal
Um abscesso perianal produz vários sintomas, tais como:

Um indivíduo também pode ter um fluido parecido com o pus que vem do orifício do abcesso ou depois da limpeza após a evacuação.
Isto é diferente do muco pegajoso nas fezes porque na verdade o pus e outros fluidos se acumulam em um abscesso devido a uma infecção.

Quando o abscesso se torna crônico, pode ocorrer uma fístula anal (orifício ou canal de comunicação anormal entre o canal anal e a pele ao redor do ânus).

Hemorróidas externas
Se as hemorróidas saem para fora do ânus, se pode formar uma secreção de muco que é encontrado:

  • Nas fezes,
  • No papel higiênico.

 

Outras causasfístula,anal,reto,vaginal


  • Fissura anal (lesões) ou.
  • Câncer do aparelho digestivo
  • Alergias e intolerâncias alimentares
  • Diverticulite (inflamação de uma protuberância anormal no cólon)
  • Úlcera retal
  • Alguns medicamentos, por exemplo, antibióticos para erradicar o Helicobacter pylori.
  • Endometriose, especialmente durante a fase menstrual do ciclo.

 

Muco nas fezes do recém-nascido

Geralmente o muco nas fezes do recém-nascido indica uma infecção, a mais comum é a gastroenterite onde o recém-nascido também tem diarréia.

 

Quando se preocupar? Causas graves de muco nas fezes

Em alguns casos, o muco nas fezes pode ser um sintoma de uma doença grave ou perigosa que deve ser avaliada imediatamente.

Entre estes estão:

Obstrução intestinal
Uma obstrução intestinal provoca constipação, fortes cólicas abdominais e vómito durante a evacuação de muco.
Uma obstrução do intestino pode ser causada por uma das muitas doenças que causam fezes duras:
1. Aderências (tecido cicatricial),
2. Uma hérnia inguinal ou abdominal
3. Cálculos biliares,
4. Um tumor,
5. Depois de comer um objeto não alimentar.

A obstrução geralmente é tratada no hospital, às vezes é necessária uma cirurgia para remover o material fecal.

 

Intussuscepção intestinal 
A intussuscepção é uma doença em que uma parte do intestino se dobra e um segmento intestinal desliza dentro do próximo.
A intussuscepção é mais comum em crianças até um ano.
Entre os sintomas da intussuscepção intestinal incluem:

  • Cólicas abdominais,
  • Sangue e muco nas fezes,
  • Vómito,
  • Inchaço abdominal.

Se não tratada, a intussuscepção intestinal pode causar:

  • Fornecimento reduzido de sangue para o intestino,
  • Necrose do intestino,
  • Peritonite,
  • Choque hipovolêmico.

 

Volvo colico (torção do cólon)
A intussuscepção é a invaginação ou penetração de um segmento intestinal no interior de outro adjacente que pode reduzir o fluxo sanguíneo, causando obstrução e necrose tecidual.

 infarto,intestinal,torção,necrose

Outros sintomas que podem ocorrer juntamente com muco nas fezes

Os outros sintomas variam dependendo da doença ou distúrbio subjacente.
Os sintomas freqüentemente afetam o trato digestivo que também pode envolver outros órgãos do corpo.

câncer de cólon, muco nas fezesSintomas do trato digestivo que podem ocorrer com muco nas fezes:

  • Dor de barriga ou cólicas abdominais, por exemplo no caso de diarreia, síndrome do intestino irritável, diverticulite, obstrução intestinal e endometriose,
  • Barriga inchada ou ar no estômago, no caso de doença celíaca ou do intestino irritável,
  • Odor de fezes particularmente ruim, especialmente em caso de infecção,
  • Sangue nas fezes (pode ser sangue vermelho ou preto),
  • As alterações na cor ou consistência das fezes
  • Fezes moles, especialmente em caso de infecção intestinal,
  • Incontinência fecal (incapacidade de controlar as fezes),
  • Gases intestinais ou flatulência , por exemplo, no caso de síndrome do cólon irritável,
  • Náusea com ou sem vômitos,
  • Dor durante as evacuações, em caso de hemorróidas ou fissuras anais,
  • Necessidade urgente de evacuar, pode ser causada por doença de Crohn e colite ulcerativa.

Outros sintomas que você poderá ver são:

 

Cor das fezes

Além de muco, pode ser notado uma cor anormal nas fezes, por exemplo, se são amarelo queimado a causa pode ser alimentos ricos em beta-caroteno:

  • Cenoura,
  • Batata-doce,
  • Damascos,
  • Abóboras,
  • Melão,
  • Manga.

 


Tratamento para muco nas fezes

O tratamento depende da doença que provoca a formação do muco, podem ser necessários:

  • Medicamentos
  • Uma cirurgia,
  • Muitas vezes uma boa alimentação é suficiente para curar.

É necessário conversar com o médico antes de tomar medicamentos durante a gravidez ou aleitamento materno.

 

Remédios naturais para muco nas fezes

Entre os tratamentos naturais para muco nas fezes estão:

Sementes de Psyllium
As sementes de psyllium têm propriedades:

  • Prebióticas: ajudam a reequilibrar a flora intestinal,
  • Anti-inflamatórias,
  • Laxantes para a constipação porque amolecem as fezes e aumentam o volume da massa fecal.
    Isso vai estimular o peristaltismo.
  • Antidiarreicas porque absorvem os líquidos no intestino.

As sementes de psyllium são particularmente indicados no caso de:

  • Colite,
  • Síndrome do Cólon Irritável,

Recomendamos a adição de 5-7 gramas de sementes de psyllium à dieta diária.
Você precisa beber pelo menos um copo de água depois de comer as sementes.

Além disso, a redução do stress pode ser útil,


Dieta e alimentação para muco nas fezes

Uma alimentação saudável e rica em fibra ajuda a promover o funcionamento do sistema digestivo.
Evitar quantidades excessivas de café, cafeína e chá pode reduzir o muco nas fezes porque a cafeína pode causar complicações digestivas.

Uma mudança de dieta pode ajudar a prevenir o muco nas fezes?
Para evitar o muco nas fezes e prevenir recaídas aconselhamos de seguir os hábitos alimentares saudáveis.
Para melhorar a saúde do intestino devemos adicionar alimentos ricos em fibras, tais como:

  • Frutas e vegetais,
  • Farelo,
  • Feijões,
  • Framboesas.

Evitar os alimentos picantes ou processados.
Isto melhorará a saúde digestiva.

 

Jejum
Um jejum de  2/3 dia (se não houver contra-indicações) é muito bem porque:

  • O corpo concentra-se no tratamento da infecção ou da inflamação porque não tem que desperdiçar energia para a digestão,
  • Promove a cicatrização das feridas e das úlceras,
  • Tem um efeito desintoxicante porque o fígado pode se concentrar no desenvolvimento de toxinas do corpo, pois não deve metabolizar os nutrientes que vêm do intestino.
    Leia também