Hemograma completo em exames de sangue

INDICE

Os exames de sangue contêm o hemograma com fórmula (ou exame emocitometrico) que mostra os elementos celulares no sangue:

  • Glóbulos vermelhos,
  • Glóbulos brancos,
  • Plaquetas.

Não precisa o jejum para o hemograma completo, mas para outras análises de sangue é necessário (especialmente para a glicemia).
Alguns laboratórios dão uma interpretação dos resultados um pouco diferentes dos outros, portanto não considerar o valor absoluto destes números.

 Dotora,exame,sangue,hemograma

Aqui está uma lista que o médico ler juntamente com os valores típicos.

 


Valores de leucócitos (glóbulos brancos) no hemograma

Valores normais: de 4 a 10 células/mcL.
Os glóbulos brancos ajudam a combater as infecções, portanto um número elevado de células brancas do sangue pode ser útil para a identificação de uma infecção.
Isso também pode indicar a leucemia que pode causar um aumento no número de glóbulos brancos.
Por outro lado, a falta de células brancas do sangue pode ser causada por certos medicamentos ou doenças.

O que pode causar os leucócitos baixos?

  • As doenças de medula óssea,
  • Quimioterapia,
  • Doenças auto-imunes,
  • Infecções virais.

O que provoca os leucócitos altos?

 

Fórmula leucocitária no hemograma completo

A fórmula leucocitária é um exame que mostra a percentagem das diferentes células brancas do sangue que são encontrados no sangue.

Valores de referência normal:

Neutrófilos de 40% a 60% do total
Linfócitos de 20% a 40%
Monócitos de 2% a 8%
Eosinófilos de 1% a 4%
Basófilos de 0,5% a 1%.

Este teste mede:

  • Os números,
  • A forma,
  • O tamanho.

A contagem diferencial dos leucócitos mostra se os números de células diferentes estão na proporção adequada entre elas.
Uma anomalia neste teste pode indicar:

  • Uma infecção,
  • Uma inflamação,
  • Doenças auto-imunes,
  • Anemia,
  • Outras doenças.

 

Neutrófilos baixos no hemograma completo
Os neutrófilos são os glóbulos brancos mais numerosos no sangue,
Estas células são responsáveis por proteger o corpo da infecção.

Causas de neutrófilos baixos

Etnia
Alguns grupos étnicos têm menos neutrófilos do que a média:

  • Africanos,
  • Afro-americanos,
  • Judeus iemenitas,
  • Índios,

Neutropenia congénita

  • Neutropenia cíclica,
  • Neutropenia congênita grave ou síndrome Kostmann.

Doenças do sangue e da medula óssea

  • Anemia aplástica
  • Leucemia aguda
  • Mielofibrose

Drogas e substância tóxicas

  • Quimioterapia
  • Radioterapia
  • Antibióticos e diuréticos
  • Alcoolismo
  • Inseticida

Causas infecciosas

Alteração do órgão

  • Esplenomegalia (aumento do baço), uma destruição prematura dos glóbulos no baço

Doenças auto-imunes

Deficiências nutricionais

  • Deficiências de vitaminas (B12).
  • Ácido fólico,
  • Cobre.

Os sintomas de neutropenia grave (<500 neutrófilos por microlitro).
Os sintomas típicos e doenças que ocorrem em pacientes com neutropenia grave são:

  1. Febre
  2. Pneumonia
  3. Sinusite
  4. Otite média (infecção do ouvido)
  5. Gengivite (inflamação da gengiva)
  6. Onfaliti (infecção do umbigo)
  7. Abcessos na pele
  8. A neutropenia congenital grave pode haver sintomas graves.

Neutrófilos altos
Um aumento de neutrófilos pode ser devido a:

  1. Infecção aguda
  2. Estresse agudo
  3. Eclâmpsia
  4. Gota
  5. Leucemia mielóide
  6. Febre reumática
  7. Tireoidite
  8. Trauma
  9. Gravidez
  10. Ciclo Menstrual
  11. Danos ou necrose de tecidos:

 

Valores dos glóbulos vermelhos no hemograma completo

Valores normais: de 4.2 a 5,9 Mill/mcL

Existem milhões de glóbulos vermelhos (ou eritrócitos) no corpo, este exame mede o número de eritrócitos em uma determinada quantidade de sangue.
Este valor:

  • Nos ajuda a determinar o número total de células vermelhas do sangue,
  • Nos dá uma idéia da duração de suas vidas,
  • Não indica de onde vem o problema.

Se são anormais, o médico solicita outros exames.

O que é a contagem dos eritrócitos?
Os glóbulos vermelhos captam o oxigênio do sangue e levá-lo para os tecidos em todo o corpo
Valores normais:

  • Masculino: 4.7-6.1 Mill/mcL
  • Mulher: 4.0-5.4 Mill/mcL

Por que as glóbus vermelhos são baixos?

  • Deficiência de ferro,
  • Deficiência de vitamina de B12 ou ácido fólico,
  • Anemia por deficiência na produção de células vermelhas do sangue por doenças da medula óssea,
  • Anemia hemolítica,
  • Perda de sangue de feridas, lesões internas ou períodos pesados,
  • Quimioterapia.

Porque os glóbus vermelhos são altos?


  • Desidratação,
  • Problemas renais,
  • Uma doença cardíaca congênita
  • Uma doença pulmonar (Enfisema, COPD)
  • Altitude elevada
  • Fumo.

 

 

Valores do hematócrito (Hct) nos exames de sangue

Valores normais:

  • De 42% a 52% para os homens;
  • De 37% a 48% para as mulheres.

O hematócrito é o quociente de

  • O volume de células vermelhas do sangue (eritrócitos),
  • O volume do plasma.

Útil para diagnosticar a anemia, esse teste determina quanta parte do volume total do sangue no corpo é composta de glóbulos vermelhos.

O que é hematócrito?
A percentagem de glóbulos vermelhos no sangue

Causas de hematócrito baixo e alto
As causas do hematócrito baixo e alto são as mesmas das células vermelhas do sangue, como mencionado acima.

O hematócrito elevado também pode ser a consequência do dopagem, conhecido eritropoetina (EPO), uma substância presente no corpo humano que estimula a produção de células vermelhas do sangue.

 


Valores de hemoglobina (Hb) no hemograma completo

Valores normais:

  • 14-18 g/dL para homens;
  • 12-16 g/dL para mulheres.

Os glóbulos vermelhos contêm hemoglobina que dá a cor vermelho vivo ao sangue. Ainda mais importante, a hemoglobina transporta o oxigênio dos pulmões por todo o corpo e sucessivamente leva para os pulmões o dióxido de carbono que se deve exalar.
Os níveis de hemoglobina em pessoas saudáveis diferem de acordo com o gênero (masculino ou feminino).
Baixos níveis de hemoglobina podem indicar anemia.

O que é a hemoglobina?
É uma substância pigmentada que transporta o oxigénio nos glóbulos vermelhos.

O que significa hemoglobina baixa ou alta?

Os distúrbios que causam a hemoglobina baixa ou alta são os mesmos listados acima para as células vermelhas do sangue baixas.

 

 

Volume corpuscular médio (VCM) no hemograma completo

Valores normais: de 82 a 97 femtolitros
Este teste mede o volume médio das células vermelhas do sangue ou a quantidade média de espaço que preenche cada glóbulo vermelho.
Uma anomalia pode indicar:

O que é o MCV?
Esse valor indica o tamanho médio das células vermelhas do sangue.

O que quer dizer o MCV baixo?

  • Deficiência de ferro
  • Anemia hemolítica,
  • Anemia aplástica,
  • Anemia da insuficiência renal,
  • As doenças crônicas.

O que significa MCV alto?
Deficiência de vitamina B12 ou ácido fólico

 

 


Valores de hemoglobina corpuscular média (HCM)

Valores normais: 27-31 picogramas
Este teste mede a quantidade média de hemoglobina nas células vermelhas do sangue.
Os resultados muito altos podem indicar anemia, enquanto que aqueles muito baixos podem indicar uma deficiência nutricional.

O que é o MCH?
A quantidade de hemoglobina nos glóbulos vermelhos.

O que indica o MCH baixo?
Deficiência de ferro

O que indica o MCH alto?
Como para o volume corpuscular médio dos glóbulos vermelhos no sangue, pode ser provocado pela falta de vitamina B12 ou ácido fólico

Concentração de hemoglobina corpuscular média (CHCM)
Valores normais: 32-36%
O teste de CHCM mostra a concentração média de hemoglobina em uma quantidade específica de células vermelhas do sangue.
A concentração mede o quociente entre o peso da hemoglobina e o volume dos glóbulos vermelhos em que está.
Este dado indica anemia se a contagem é baixa ou desidratação se é alta.

Largura de distribuição de eritrócitos (RDW ou RCDW)
Valores normais: 11.5-15.5%
Se a porcentagem é alta, significa que a maioria das células vermelhas do sangue têm dimensões diferentes.
Se o valor for baixo, significa que a maior parte dos eritrócitos têm o mesmo tamanho.

O valor do RDW elevado pode se referir a:

  • Falta de ferro, vitamina b12 ou ácido fólico
  • Anemia hemolítica auto-imune ou falciforme
  • Quimioterapia
  • Doenças hepáticas crônicas.

 


hemograma completo, análise de sangueValores de plaquetas (PLTS) no hemograma completo

Valores normais: de 150.000 a 400.000 mL
As plaquetas são pequenas porções de células necessárias para a coagulação do sangue.
Muitas ou poucas plaquetas afetam a coagulação em maneiras diferentes.
A contagem de plaquetas pode indicar uma doença.

O que é a contagem de plaquetas?
As plaquetas são células que são usadas para fechar as lesões da pele e evitar a perda de sangue.

O que significa uma contagem baixa de plaquetas trombocitopenia?

  • Infecções virais,
  • Leucemia,
  • Quimioterapia,
  • Lúpus,
  • Anemia perniciosa (deficiência de vitamina B12),
  • Hipertiroidismo,
  • Rejeição de órgãos.

O que indicam as plaquetas altas (trombocitose)?

  • Leucemia,
  • Doença mieloproliferativa (que provoca o crescimento anormal das células do sangue na medula óssea),
  • Doenças inflamatórias intestinal crônica (doença de Crohn).

 

Volume de plaquetas médio (MPV)
Valores normais: de 7.4 a 10,4 femtolitros
Este teste mede o tamanho médio das plaquetas.
Um valor mais elevado significa que as plaquetas são maiores, este é um fator de risco para:

Um valor mais baixo indica plaquetas menores, significa que a pessoa está em risco de hemorragia.

 

Velocidade de hemossedimentação (VHS)

A taxa de sedimentação de eritrócitos ou Velocidade de hemossedimentação é um exame de sangue que pode revelar uma inflamação no corpo.
Um teste de VHS sozinho não serve, mas pode ajudar o médico a diagnosticar ou acompanhar o progresso da doença inflamatória.

Quando se coloca o sangue em um tubo alto e fino, os glóbulos vermelhos (neutrófilos) são depositados gradualmente no fundo.
A inflamação pode causar a agregação das células vermelhas portanto podem cair mais rapidamente.

O VHS mede o tempo em que os glóbulos vermelhos se depositam no fundo de tubo em uma hora.
Resultados normais (método de Westergren)

  • Homens abaixo dos 50 anos de idade: menos de 15 mm/hr
  • Homens com mais de 50 anos de idade: menos de 20 mm/hr
  • Mulheres abaixo dos 50 anos de idade: menos de 20 mm/hr
  • Mulheres com mais de 50 anos de idade: menos de 30 mm/hr

Crianças:

  • Recém-nascido: 0 a 2 mm/hr
  • Recém-nascido a puberdade: 3 a 13 mm/hr

Um aumento da VHS pode ser devido a:

  • Anemia
  • Cânceres como linfoma ou mieloma múltiplo
  • Doença renal
  • Gravidez
  • Doença da tireóide

Entre as doenças auto-imunes frequentes estão:

1. Lúpus.
2. Artrite reumatóide

Os níveis muito elevados de VHS podem ocorrer com essas doenças autoimunes:

1. Vasculite alérgica
2. Arterite de células gigantes
3. Hiperfibrinogenemia (aumento dos níveis de fibrinogênio no sangue)
4. Macroglobulinemia de Waldenström
5. Vasculite necrosante
6. Polimialgia reumática

Uma VHS alta pode ser causada por infecções, incluindo:

1. Infecção sistêmica
2. Infecções ósseas
3. Infecção do coração (endocardite) ou válvulas cardíacas
4. Febre reumática
5. Tuberculose
6. Encefalite

Esfregaço periférico
Nos exames de sangue, pode ser feito até mesmo o esfregaço periférico, um teste que dá algumas informações sobre o número e a forma das células do sangue.
É efetuado excluindo qualquer anormalidade de glóbulos vermelhos e plaquetas no:

  • Tamanho,
  • Forma,
  • Estrutura.

 

    Leia também