Tratamento com laser terapêutico

INDICE

O laser terapêutico é um tratamento que consiste em um feixe eletromagnético que incide sobre uma área do corpo para fins terapêuticos.

Laser significa amplificação da luz por emissão estimulada de fotões.

No laser, um meio activo pode ser excitado por uma corrente eléctrica ou por um feixe de luz.
Em seguida, os atomos perdem a energia que adquiriram através da emissão de luz.

Sob certas condições, se a “substância ativa” é colocada em uma cavidade ressonante, pode-se obter a amplificação da emissão de luz.

Tratamento com laser terapêutico

No final, o feixe de laser sai da máquina para agir no paciente.
A característica do laser é a amplificação da energia que chega a uma intensidade elevada sobre uma superfície muito pequena.

 

Quais são os efeitos biológicos sobre os tecidos?

O laser produz os seus efeitos sobre a membrana celular e sobre as mitocôndrias, ou seja organelas que produzem a energia da célula.

A terapia provoca as seguintes consequências:

  • Aumento da atividade metabólica, acelera a transformação de ADP em ATP (combustível da célula), promove o intercâmbio eletrolítico entre a célula e o ambiente externo através da membrana celular, também aumenta a produção de DNA, RNA, aminoácidos e proteínas.
  • A terapia da dor aumenta o limiar de excitação nos nervos que levam os sinais de dor.
  • Vasodilatação, o aumento da calor local causa o aumento das atividades metabólicas da célula, a estimulação neuro vegetativa altera a pressão hidrostática nos capilares.
  • Aumento da drenagem linfática para a aceleração da bomba de sódio/potássio, isso provoca uma maior absorção de líquidos intersticiais, também ativa a microcirculação.
  • A forte ação antiinflamatória e estimulante para os tecidos celulares é causada pelo desejo de mudar as prostaglandinas (que atraem líquido inflamatório) em prostaciclinas.
  • Pequenas mudanças no PH dentro e fora das células.

 

Quais são os efeitos terapêuticos no corpo?

Os efeitos do laser terapêutico são:

  • Analgésico, pois aumenta o limiar de dor;
  • Antiinflamatório, dado pela transformação de prostaglandinas em prostaciclinas e por o aumento da microcirculação.
  • Bioestimulante, obtidos com a estimulação sobre o metabolismo que acelera a cicatrização de úlceras e feridas, também favorece a reparação das lesões musculares que não têm indicação cirúrgica porque promovem a formação de tecido fibroso.
  • Descontraturante devido ao efeito térmico e o aumento do metabolismo.



Quais são as indicações e as contra-indicações?

Este tratamento é indicado para tendinite, entorse, contusão, artrite, inflamação ou edema, hematoma, úlceras e feridas.

O objetivo do tratamento com laser terapêutico não é aquele de “aquecer”, mas de eliminar a dor ou o desconforto e permitir á célula de recuperar o equilíbrio perdido com trauma ou o desgaste dos tecidos.
Não é adequado em caso de distúrbios irradiados em diferentes partes do corpo tais como a ciática, a nevralgia cervicobraquial, dor na coluna, a dor ao longo da coluna vertebral ou a dor que afeta toda a área entre o glúteo e o joelho.

Laser terapêutico,tratamento,cura, tendinite, nervo, músculo, contratura, alongamento, inchaço,
Laser terapêutico

Nesses casos a origem do problema deve ser procurada na protusão do disco intervertebral ou nas aderências dos tecidos conjuntivos, portanto o tratamento com laser terapêutico não pode resolver os sintomas porque ele não elimina a causa
As contra-indicações são: gravidez, neoplasias malignas e epilepsia.

Como funciona o tratamento com laser terapêutico?

Os raios laser têm um comprimento de onda entre 6.328 nm no aparelho de Hélio-Neon e 106.000 Micron no aparelho de CO2.
Cada máquina contém os seguintes elementos:

  • Uma substância ativa que pode ser uma forma sólida, líquida ou gasosa; os átomos nesta matéria são excitados e emitem o feixe de laser.
  • Um sistema de bombeamento, ou seja um mecanismo que provoca a excitação dos átomos, normalmente esse “sistema ” é a eletricidade.
  • Um ressonador, ou seja dois espelhos paralelos que são orientados para canalizar o feixe de laser para a saída.

O laser é classificado de acordo com a potência,

  • Baixa potência ou soft-laser, por exemplo aquele de hélio-néon ou diodo semicondutor
  • Alta potência ou power-laser como por exemplo aquele Yag ou CO2.


Em comparação com a T.E.C.R. ® terapia onde a energia é endógena ou seja que vem de dentro, o tratamento com laser transmite energia da máquina.
Existem dispositivos de laser à emissão contínua e outra emissão pulsada ou intermitente, também existem algumas máquinas que podem ser configuradas para ambos os tipos de radiação.

 

 

    Leia também