Cãibras na panturrilha

As cãibras na panturrilha são contrações musculares repentinas, fortes, dolorosas e involuntárias de um músculo.

ÍNDICE

Quem já acordou no meio da noite ou parou enquanto caminhava devido a uma cãibra súbita sabe que esta doença pode causar dor muscular muito forte.
As cãibras musculares são geralmente inofensivas, mas podem impedir o uso do músculo afetado temporariamente.

Longos períodos de exercício ou trabalho físico, especialmente em clima quente, podem causar cãibras musculares.
Entre as causas estão algumas doenças e tomar certos medicamentos. Geralmente, as cãibras musculares podem ser tratadas em casa com remédios caseiros.

Os músculos que são mais frequentemente afetados são os membros inferiores, Cãibras na panturrilhaparticularmente a panturrilha, a sola do pé e o dedo grande do pé, mas também podem ser afetadas as coxas, braços e mãos.
As cãibras musculares podem durar de alguns segundos a quinze minutos ou até mais.
Não é incomum a recorrência das cãibras várias vezes antes que se resolvam.
Esta doença pode envolver parcialmente ou completamente um músculo, mas às vezes atinge vários músculos juntos, tais como aqueles que flexionam dois dedos adjacentes.
Cãibras musculares são muito frequentes, quase todos (uma estimativa é de cerca de 95%) tiveram uma cãibra em algum momento de suas vidas.
Este distúrbio é comum em adultos, especialmente acima de 50 anos, no entanto, até mesmo as crianças podem ter algumas cãibras.

 

Causas das cãibras na panturrilha

A causa de cãibras musculares nem sempre é conhecida. As cãibras musculares podem ser causadas por muitas doenças ou atividades, por exemplo:

  • Exercícios e sobrecarga muscular, especialmente se os músculos já têm um acúmulo de ácido láctico.
  • Praticar esportes de resistência (futebol, ciclismo, etc.) sem um adequado treinamento atlético.
  • Gravidez. As cãibras podem ocorrer devido a diminuição da quantidade de minerais como cálcio e magnésio, especialmente nos últimos meses de gravidez.
  • A exposição ao frio, a água particularmente fria.
  • Outras doenças, tais como problemas com o fluxo de sangue (doença arterial periférica), esclerose múltipla, doença renal e da tiróide.
  • Ficar em pé sobre uma superfície dura por um longo tempo, ficar sentado por muito tempo ou colocar as pernas em posições incômodas durante o sono.
  • A falta de potássio, cálcio e outros minerais no sangue pode causar cãibras generalizadas e contínuas.
  • desidratação significa que o corpo perdeu muitos fluidos.
  • Algumas doenças, tais como diabetes, cirrose hepática, doença de Parkinson, etc.

Os medicamentos causam cãibras musculares?

Muitos medicamentos podem causar cãibras. Os diuréticos tais como a furosemida (Lasix) causam a perda de fluidos corporais e podem provocar cãibras porque esgotam os fluidos e sódio no corpo.
Os diuréticos provocam a perda de potássio, cálcio e magnésio.
Medicamentos tais como donepezil (Aricept, utilizado para a doença de Alzheimer) e raloxifeno (Evista é utilizado para prevenir a osteoporose) podem causar cãibras.
Tolcapone (Tasmar) utilizado para a doença de Parkinson, é a causa deste trastorno em 10% dos pacientes.
As cãibras podem ser causadas por nifedipina (Procardia e outros usados para angina, hipertensão e outras doenças) e alguns medicamentos para a asma.
Alguns medicamentos usados para baixar o colesterol como lovastatina podem causar cãibras.

 

A falta de vitaminas causa cãibras musculares?

Um baixo nível de vitaminas no sangue pode causar diretamente ou indiretamente as cãibras musculares.
A tiamina (B1), ácido pantotênico (B5) e piridoxina (B6) têm influência no início da doença, embora o mecanismo seja desconhecido.

 


Os sinais e sintomas das cãibras na panturrilha

Geralmente as cãibras são muito dolorosas e a pessoa afetada deve parar a atividade que está fazendo.
Quando as dores chegam, a pessoa não é capaz de usar o músculo afetado.
Em alguns casos graves, pode ser associada com a dor extrema e inchaço que podem persistir durante vários dias após as cãibras.
No momento em que ocorrem as cãibras, o músculo fica duro, doloroso e pode se sentir um inchaço.
Não existe nenhum teste específico para as cãibras. No entanto, o diagnóstico é relativamente fácil.
A maioria das pessoas sabe o que são as cãibras e quando ocorrem.
Se o seu médico estiver presente durante uma cãibra, pode sentir a rigidez do músculo.

 

Qual é o tratamento das cãibras dos músculos?

A maioria das pessoas pensa que a melhor maneira de parar a cãibra é alongar os músculos.
Na verdade, o alongamento durante as cãibras musculares é um erro e é a coisa pior que você possa fazer, em vez disso você deve fazer exatamente o oposto.
Se você esticar o músculo, o corpo envia um sinal para realizar uma contração, pois isso evita uma tensão excessiva, que pode causar uma lesão muscular.
Se pelo contrário se aproximam os extremos do músculo (ou seja, o músculo encurta), o corpo reage relaxando o músculo, consequentemente as cãibras param.
Geralmente é impossível encurtar ou alongar ativamente o músculo, você tem que fazê-lo com a mão ou pedir ajuda para outra pessoa.
Após os primeiros 10-20 segundos com uma dor insuportável, o músculo se relaxa parcialmente e se torna menos irritante.
Nesse momento, você deve realizar uma massagem na área afetada para alcançar maior relaxamento.
Para as cãibras musculares na panturrilha, a pessoa deve dobrar o joelho e ao mesmo tempo deve fazer a flexão plantar do pé, na prática, é como ajoelhar-se e sentar-se sobre os calcanhares.

Para as cãibras do escritor tem que fechar sua mão em um punho com o polegar abaixo dos outros dedos.
Desta forma, você elimina a tensão sobre os músculos flexores dos dedos.
A cãibra do quadríceps é resolvida dobrando a coluna lombar como se quisesse tocar os dedos dos pés.
Outra maneira é aquela que é praticada por jogadores de futebol durante o jogo, em que o atleta deita de barriga para cima e um parceiro levanta a perna com o joelho estendido.
Quando eu faço um treino de bicicleta para o qual eu não estou treinado, às vezes fico com cãibras na panturrilha e tenho que descer da bicicleta imediatamente para relaxar o músculo e fazer uma massagem.
A dor é insuportável, como uma facada, mas até fazer uma massagem não consigo continuar a andar de bicicleta, geralmente preciso de quinze minutos para subir de novo na sela.

Terapia farmacológica
Geralmente não são necessários medicamentos para tratar uma cãibra porque muitas vezes ela regride espontaneamente antes da absorção do medicamento.
O tratamento das dores associadas com doenças específicas geralmente se concentram no tratamento da doença subjacente.
Por vezes, são prescritos medicamentos para um problema adicional específico.
Nos últimos anos, foram realizadas com sucessos injeções de doses terapêuticas de toxina botulínica (Botox) em certas desordens de distonia muscular localizadas.
Uma boa resposta pode demorar alguns meses e a infiltração pode se repetir.

 

Remédios naturais para as cãibras dos músculos

A massagem ajuda a relaxar o músculo, tal como a aplicação de calor.

Taping para cãibras na panturrilha

Taping para cãibras na panturrilha

Taping para contraturas e cãibras na panturrilha.
Ação: relaxante Forma: Uma faixa em ”Y”. Comprimento: sob o calcanhar para a fossa poplítea. Aplicar a fita sem tensão, logo abaixo do calcanhar, e alongar a panturrilha.
Com a fita envolva a parte externa dos ventres musculares dos gêmeos.
Se a cãibra está relacionada com a perda de fluidos, como é frequentemente no caso de uma atividade física vigorosa, deve repor os líquidos e sais minerais perdidos, particularmente sódio e potássio.
Claro que, se as cãibras são frequentes, graves e persistentes, se não responder aos tratamentos de rotina ou se elas não estão associadas a uma causa óbvia, o paciente e o médico devem considerar uma terapia mais agressiva ou devem avaliar se as cãibras são um sintoma de uma outra doença.

As possibilidades são muitas, o paciente pode ter problemas de:

Gravidez: os suplementos de magnésio e cálcio têm demostrado de ajudar a prevenir cãibras associadas à gravidez.
Uma adequada administração de ambos os minerais durante a gravidez é importante, mas a supervisão de um médico é essencial.

A cãibra profissional é um distúrbio de movimento em que ocorrem contrações involuntárias dos músculos causadas por movimentos repetitivos não vigorosos ou posturas incorretas.
Essas cãibras (por exemplo, cãibra do escritor) são induzidas pelo tipo de atividade e podem ser evitadas ou minimizadas pela atenção aos fatores ergonômicos, como os suportes para o pulso, evitando saltos altos, ajustando a posição da cadeira, interrompendo a atividade e usando posições confortáveis durante o trabalho.
Aprender a evitar a tensão excessiva durante a execução de tarefas pode ajudar.
No entanto, as cãibras podem ser muito irritantes nas atividades que são difíceis de alterar, como tocar um instrumento musical.

Repouso: muitas vezes as cãibras noturnas e em repouso podem ser evitadas com um programa de exercícios de alongamento, especialmente se realizado antes de ir para a cama.
Mesmo o simples alongamento da panturrilha em pé, se realizado por 10-15 segundos e repetido duas ou três vezes antes de ir para a cama, pode ser de grande ajuda na prevenção das cãibras noturnas nas pernas.
A manobra pode ser repetida toda vez que você se levanta de noite para ir ao banheiro e até mesmo uma ou duas vezes durante o dia.
Se as cãibras noturnas forem graves e recorrentes, você pode usar uma órtese para impedir que seus pés tomem uma posição desconfortável durante o sono.
É importante usar sapatos confortáveis com palmilhas durante o dia.
Outro aspecto importante da prevenção de cãibras nas pernas noturnas é a ingestão de cálcio e de magnésio adicional.
Os níveis no sangue podem não ser suficientes para as necessidades do corpo.

 

Prevenção das cãibras musculares

Se não souber qual a causa exata das cãibras musculares, é difícil entender como pode evitar este trastorno.

Kinesio taping, fita adesiva, contração, cãibras, lesões, quadríceps

Kinesio taping para o quadríceps

Kinesio Taping-combinado para os músculos da coxa

Aplicação combinada no vasto medial e vasto lateral. Útil em caso de fadiga de quadríceps, dupla contratura do quadríceps exterior e interior ou por rigidez muscular.
Algumas dicas são recomendadas por especialistas e atletas:

  • Melhorar o condicionamento físico e evitar a fadiga muscular
  • Seguir um programa de exercícios gradualmente para evitar esticar os músculos quando não estiver pronto.
  • Fazer alongamento após o exercício regular
  • Fazer um bom aquecimento antes de exercícios e corridas, especialmente para as pernas.
  • Alongar o músculo da panturrilha: manter a posição que você usa para fazer afundos (halteres), e de pé com uma perna dobrada na frente e a outra para trás com o joelho estendido.
  • Alongar o músculo isquiotibial: a melhor posição para aliviar a pressão sobre a parte de trás é sentado no chão com as pernas retas, tentando tocar os dedos dos pés com as mãos.
  • Alongar o músculo quadríceps: em pé, segurar o dorso do pé com a mão e puxar o calcanhar na direção dos glúteos (repita com a outra perna).

A maioria das cãibras musculares não são graves.
Se elas são muito dolorosas, frequentes ou causam preocupação, deve consultar o seu médico.
Não deve comer antes da atividade física ou deve se limitar a alimentos que são digeridos rapidamente, como frutas.
É possível alterar o fornecimento de energia, especialmente no verão, para manter um nível adequado de vitaminas, minerais e anti-oxidantes (potássio, magnésio e cálcio).
Bananas são ricas em potássio, leite e produtos lácteos contêm uma grande quantidade de cálcio, enquanto para o magnésio é recomendado comer grãos integrais e frutos de casca : nozes, amêndoas secas, farelo de trigo, feijão cru, amendoim torrado e milho.

Se não houver tratamento para o músculo que é submetido a uma cãibra, vai sentir dor para vários dias porque permanece uma contratura.
A fisioterapia é muito útil porque solta a contratura e evita mais distúrbios musculares no futuro.
O fisioterapeuta pode realizar a massagem terapêutica ou tratamento con T.E.C.R. (Transferência de energia capacitiva e resistiva) para relaxar os músculos.

Leia também