Dor na frente do joelho

 

Dor na frente do joelho

A dor no joelho é uma doença extremamente comum em qualquer idade e as causas possíveis são muitas.

É importante fazer uma avaliação para determinar a causa dos sintomas e escolher o tratamento mais adequado.

 

1) Bursite ao joelho

Algumas lesões diretas na frente do joelho causam inflamação da bolsa serosa, pequenos sacos de fluido que facilitam o deslizamento dos tendões e da pele na parte exterior da articulação do joelho.
Movimentos repetitivos do joelho ou manter a posição de joelhos por longos períodos pode causar um acúmulo de líquido na articulação, conhecida como bursite ou joelho da empregada doméstica.

 

2) Inflamação da gordura de Hoffa

A gordura de Hoffa é uma inflamação do tecido gorduroso localizado logo atrás do tendão patelar abaixo da rótula (McCarthy – 2004).
Nesta posição, serve para amortecer choques na parte da frente do joelho.
A gordura de Hoffa pode inflamar em caso de trauma direto na patela (Valtuille et Al. – 2002) e pode ficar comprimida entre o côndilo femoral e a patela.
A dor piora durante a extensão (estiramento) da articulação do joelho.

Os pacientes podem ter uma história de hiper-extensão do joelho (genu recurvatum)

Sintomas

  • Dor ou inchaço sob a rótula.
  • Teste positivo de Hoffa (o paciente se encontra em decúbito dorsal com o joelho dobrado, o examinador pressiona com ambos os polegares, ao longo dos lados do tendão patelar, enquanto o paciente estende a perna. Se o paciente sente dor é um sinal positivo para a inflamação da gordura de Hoffa.

O exame mais adequado para o diagnóstico deste distúrbio é a ressonância magnética. Os pacientes com edema (inchaço) ou anormalidades na gordura de Hoffa geralmente apresentam sintomas. No entanto, o edema e anormalidades estruturais também estão presentes em pacientes que não apresentam dor ou outros sintomas (Draghi et al. – 2016).

Tratamento

  • Repouso
  • Evitar atividades físicas que agravam a situação como a corrida, mas se pode prtaticar o ciclismo.
  • Gelo ou terapia fria para reduzir a dor e inflamação.
  • Fisioterapia instrumental como o tratamento com Laser ou T.E.C.R..

O tempo de recuperação é de duas semanas se for feito o tratamento prescrito pelo médico.

 

3) Luxação da rótula (patela)

É uma lesão comum causada por um trauma direto ou uma extensão violenta da perna, como uma lesão que acontece enquanto você joga ténis ou voleibol.
A luxação da patela ocorre com mais freqüência nas mulheres, pessoas obesas e jóqueis.
Sinais e Sintomas: se você enfrenta esse acidente, se nota que a rótula é fora do lugar o joelho está inchado e você sente dor.
Tratamento: O médico coloca o joelho no lugar (redução da luxação).
Embora a rótula torna a seu lugar por si só, você tem que realizar uma radiografia para ver se há uma fratura.
Após a redução da rótula, se não houver fratura, os médicos tratam essas lesões com a imobilização do joelho em uma órtese para o joelho por três semanas para permitir que os tecidos moles ao redor do joelho cicatrizem.
Em seguida, você precisa executar os exercícios de fortalecimento para manter a rótula na sua posição fisiológica normal.
Tempos de recuperação são 30/40 dias.

 

4) Síndrome fêmoro-patelar

A síndrome fêmoro-patelaré um termo geral que se refere a dor que é sentida entre a patela e o fêmur na parte da frente da articulação.
A síndrome femoropatelar é um distúrbio comum em atletas, especialmente os jovens que têm um desalinhamento da patela em relação aos côndilos femorais.
Geralmente a patela é deslocada para o lado e provoca um maior desgaste da cartilagem em apenas um lado.

lesão,da,cartilagem,do,joelho

5) Síndrome de Osgood-Schlatter

tac,joelho,síndrome,adolescente,Osgood Schlatter

Síndrome de Osgood Schlatter

Esta é uma causa comum de dor no joelho e inchaço que afeta adolescentes, especialmente aqueles que correm muito e jogam futebol, basquete ou voleibol.
A síndrome de Osgood-Schlatter provoca o joelho inchado e dolorido sobre a proeminência óssea que está localizada logo abaixo da rótula.

 

6) Condromalácia patelar

Condromalácia refere-se a uma desgaste da cartilagem na parte posterior da patela (rótula do joelho).
É uma causa frequente de dor profunda e rigidez no joelho.
Os sintomas se experimentam depois de se sentar por um longo tempo, caminhar, subir escadas e pedalar em subida com a bicicleta.
O tratamento a curto prazo inclui medicamentos antiinflamatórios não-esteróides como o voltaren, compressas de gelo e repouso.
Para alívio a longo prazo é recomendado executar exercícios de reforço para o quadríceps, que é a parte anterior do músculo da coxa.

 

Tendinite patelar,joelho7) Tendinite patelar

A tendinite do joelho é um processo de degeneração e inflamação do tendão patelar que liga o quadríceps à tíbia na parte da frente da coxa.
Os tendões são cordões de tecido fibroso que unem os músculos aos ossos.
Corredores, esquiadores, ciclistas e atletas que executam muitos saltos facilmente desenvolvem a tendinite.

 

8) Artrite

A artrite é uma inflamação de uma ou mais articulações.
Os principais sintomas são:

Qualquer articulação do corpo pode ser afetada, mas é muito comum no joelho.
A artrite do joelho pode dificultar muitas atividades diárias, como caminhar ou subir escadas.
Pode causar incapacidade severa para muitas pessoas.

Leia também:

  1. Dor na parte interna do joelho
  2. Dor na lateral do joelho
  3. Tratamento para dor no joelho

Bibliografia

  1. McCarthy CL, McNally EG. The MRI appearance of cystic lesions around the knee. Skeletal Radiol. 2004 Apr; 33(4):187-209.
  2. García-Valtuille R et Al. Anatomy and MR imaging appearances of synovial plicae of the knee. Radiographics. 2002 Jul-Aug; 22(4):775-84.
  3. F. Draghi, G. Ferrozzi, L. Urciuoli, C. Bortolotto, and S. Bianchi. Hoffa’s fat pad abnormalities, knee pain and magnetic resonance imaging in daily practice. Insights Imaging. 2016 Jun; 7(3): 373–383.

Deixe uma resposta