Dor no joelho

As causas da dor no joelho nem sempre são claras porque uma lesão ou a degeneração podem não causar dor. Assim, a ressonância magnética ou outros exames não são suficientes para fazer um diagnóstico correto e encontrar o tratamento mais adequado.

INDICE

Dependendo do problema do paciente, a dor no joelho pode ocorrer com:

  • Inchaço e rigidez,
  • Vermelhidão e calor ao toque,
  • Fraqueza ou instabilidade,
  • Flexões durante o movimento,
  • Blocos articulares, não é possível estender o joelho ou não conseguir dobrar totalmente.

 

Dor ao redor da rótula

A dor ao redor da patela (rótula do joelho) ocorre na parte anterior do joelho.

O incômodo atrás da rótula pode ser causado pela síndrome da dor femoropatelar Dor no joelho e inchaço(SDFP) que causa desconforto ao sentar-se por pelo menos 10 minutos com as pernas dobradas (por exemplo, assistir um filme) depois de um esforço e pedalar uma bicicleta.

A verdadeira origem desse distúrbio parece ser neuromuscular, isto é, uma coordenação incorreta entre os músculos do quadril e da coxa.
Quando o paciente caminha ou sobe as escadas, a contração das nádegas e músculos externos da coxa não é suficiente.
A conseqüência é uma rotação interna e adução (deslocamento para dentro) do quadril.

Os jovens atletas podem ter a condramalacia que é uma causa frequente de desordem por trás da patela.

A dor embaixo da rótula é provocada geralmente por uma tendinite no joelho (ligamento patelar).
A tendinite do joelho provoca desconforto correndo e fazendo alguns exercícios como agachamentos e lunges.

Uma outra causa é a inflamação da gordura de Hoffa que está localizada atrás do tendão patelar e geralmente é causada por um trauma.
As outras causas de dor na parte anterior do joelho são danos de sobrecarga que começam gradualmente como:

 


Dor na lateral do joelho

As causas mais comuns de dor na parte externa do joelho são:

  • A síndrome da banda iliotibial (também chamado joelho de corredor ou síndrome de atrito), é uma inflamação de sobrecarga que ocorre durante a corrida.
  • A dor na parte externa do joelho pode ser causada por uma lesão do menisco lateral ou do ligamento colateral externo, neste caso, também se pode perceber inchaço e limitação dos movimentos de flexão e extensão.
  • A lesão da cartilagem do joelho pode causar dor no exterior da articulação e ocorre gradualmente.

 

Dor ao interno

As causas mais comuns de dor na parte interna do joelho ou sobre o lado medial do joelho são:

  • Uma lesão do ligamento colateral medial que também provoca a inflamação e limitação de movimento.
  • Uma entorse no joelho para dentro também pode ocorrer com uma lesão da cartilagem da articulação, do menisco medial ou do ligamento cruzado anterior.
  • A lesão da cartilagem pode começar gradualmente e pode ser a causa da dor no interior do joelho.
  • A ruptura do menisco medial é uma causa comum de dor no joelho, provoca inchaço e bloqueio articular.
  • O espessamento da plica sinovial pode causar muita dor dentro da articulação.
 Edema, dor óssea, inflamação, fêmur, tíbia, joelho

Edema ósseo no joelho, você pode ver a mancha branca no fêmur e tíbia

  • O edema osséo é a inflamação de um dos ossos do joelho (geralmente o fémur), é geralmente a conseqüência de um trauma. Na ressonância magnética aparece uma mancha mais clara perto do edema.
    O fluido inflamatório que se acumula no osso provoca forte dor e limitação de movimento, muitas vezes o paciente não consegue dobrar o joelho além de 90°.

 

Dor anterior e interior

Se o joelho dói na frente, a causa pode ser:

  • Uma lesão do menisco medial,
  • Uma contusão,
  • A inflamação do corpo de Hoffa.

O desconforto pode ser sentido mesmo em uma caminhada.

Em mulheres e meninas, a causa da dor anterior no joelho também pode ser o excesso de elasticidade.
Muitos pensam que a flexibilidade é um mérito, pode realmente promover distúrbios musculoesqueléticos, pois reduz o controle conjunto.

 

Dor no lado externo do joelho

A dor no lado externo do joelho pode ser causada por uma lesão do corno anterior do menisco lateral ou síndrome fêmoro-patelar em que a patela desliza para fora de seu curso natural.

 

Dor na parte posterior do joelho

Há um saco cheio de líquido na parte posterior do joelho que é chamado de cisto de Baker, isso se incha em resposta a uma lesão no joelho e pode causar dor.

A tendinite dos músculos flexores da perna (bíceps femoral, semitendíneo e semimembranoso) pode causar dor atrás do joelho, onde se encaixam os tendões, mas isso é muito raro.
Normalmente, a tendinite é uma lesão associada à sobrecarga, os sintomas vem gradualmente.
Você pode praticar esportes que não estressem excessivamente a articulação, mas você deve evitar o nado peito que pode agravar a desordem.

lesão,cruzado,posterior

Existem distúrbios nervosos ou musculares que podem causar dor reflexa ou irradiada na parte de trás do joelho:

 

Dor no joelho generalizada

Artrite

Artrite reumatóide
É a forma mais debilitante da artrite, é uma doença auto-imune que pode afetar quase qualquer articulação do corpo, incluindo os joelhos.
Embora a artrite reumatóide é uma doença crônica, a gravidade e os sintomas podem ser intermitentes.

Gota
Este tipo de artrite ocorre quando os cristais de ácido úrico acumular na articulação.
A gota geralmente afeta o dedo grande do pé, mas também pode ocorrer no joelho.

Pseudogota
Muitas vezes confundida com a gota, a pseudogota é causada por cristais de cálcio que se acumulam no fluido das articulações.
Os joelhos são as articulações mais afetadas pela pseudogota.

Infecções (ou artrite infecciosa)
A gonorreia é uma doença sexualmente transmissível e pode infectar o joelho.
Os sinais e sintomas
A infecção provoca inchaço e dor no joelho.
Pessoas com um joelho infectado podem ter febre e calafrios.
No caso de infecções moderadas, é possível que o paciente não sinta febre.
Tratamento
O inchaço e dor do joelho deve ser avaliada com cuidado.
O tratamento envolve antibióticos e possivelmente a aspiração de fluido ou drenagem cirúrgica.


Joelho inchado

Um joelho inflamado pode ser a conseqüência de um trauma na articulação, ou uma entorse que causa danos aos ligamentos ou outras estruturas internas, por exemplo quando praticamos o esqui.
O inchaço (edema) nem sempre é o sinal de uma lesão de ossos, cartilagens, ligamentos e meniscos, às vezes é a conseqüência do esforço excessivo, um trauma ou um entorse que não causa danos.
Mesmo a artrite pode causar um edema no joelho na parte da frente ou a nível posterior do cisto de Baker.
Após a cirurgia, por exemplo a reconstrução do ligamento cruzado anterior, o inchaço permanece por alguns meses.

 cisto, baker, acumulação de líquido, inflamação, dor no joelho

O inchaço acumula posteriormente no cisto de Baker

A sinovite é a inflamação da membrana sinovial da articulação e pode ocorrer como resultado de uma operação no joelho, o líquido se acumula ao redor do joelho ou no cisto de Baker.

 

Dor em crianças

As crianças podem sentir desconforto na fase de crescimento.
A síndrome de Osgood-Schlatter que provoca dor na parte anterior do joelho onde o tendão patelar (ou ligamento patelar) é inserido na parte superior da tíbia.
Este distúrbio afeta os atletas e melhora com o repouso.

 

Dor ao correr

Se você corre regularmente sobre a estrada é provável que se sofra de dor no joelho com o tempo.
Os distúrbio do joelho após a corrida ocorre por causa do uso excessivo e são a consequência de:

  • Um desalinhamento do pé (pronado),
  • O tênis para corrida não são adequados.

O joelho do corredor é um termo usado para descrever algumas doenças, tais como:

  • A síndrome fêmur-patelar no qual está localizada a patela é movida para um lado e raspa no fémur causando desconforto;
  • A tendinite do ligamento patelar é a síndrome de sobrecarga do joelho que dói debaixo da rótula;
  • A síndrome da banda iliotibial, onde o tendão escorre sobre o osso subjacente provoca dor na parte exterior da articulação.

 síndrome,femoro,patelar

 

Dor ao dobrar o joelho

A articulação dói quando você dobrar o joelho em caso de artrose, fraturas ou se há alguma lesão interna do menisco, ligamento ou colateral.
Se o movimento é limitado e se vê o inchaço, quase de certeza tem uma lesão, mas também uma contusão pode reduzir os movimentos de flexão e extensão.
Se o joelho não se estende completamente è provável que exista uma lesão no menisco.

Rotura,do,menisco

Dor em repouso

Dor no joelho em repouso, mesmo enquanto você dorme à noite pode ser causada por

 

Dor na parte da manhã

Se o joelho dói de manhã e depois desaparecem após cerca de meia ora , provavelmente a causa é artrose, mas se o desconforto persistir durante pelo menos uma hora, é mais fácil que dependa de artrite reumatóide ou uma artrite psoriática.


Dor no joelho operado

Após a cirurgia, é normal sentir desconforto durante as primeiras semanas.
Dependendo do tipo de cirurgia, a dor no joelho após uma meniscectomia pode sentir por cerca de 15/10 dias, mas se o cirurgião realizou outros procedimentos, por exemplo, a reconstrução do cruzado anterior, lesão do ligamento ou uma prótese de joelho , a dor pode permanecer por 3/4 meses.

 

Dor no joelho de acordo com a medicina natural

Com base na naturopatia, as causas da dor no joelho são má alimentação e falta de exercício.
Muitas pessoas melhoraram ou curaram com a dieta do tipo sanguíneo.
Com base nesse tipo de nutrição, a causa da dor no joelho é uma reação do sistema imunológico a alguns alimentos.
Além disso, de acordo com essa teoria, a artrose ou outras doenças não causam sintomas em pacientes que seguem uma dieta correta.
Os alimentos a evitar em caso de dor e inflamação no joelho são:

  1. Doces,
  2. Açúcares
  3. Leite e produtos lácteos,
  4. Excesso de frutas, especialmente para pessoas do grupo 0. Você pode comer frutas pela manhã, sem exagerar.

Estes são os principais alimentos responsáveis, mas algumas pessoas podem ter reações imunes mesmo depois de comer outros alimentos, por exemplo, as solanáceas:

  1. Tomate,
  2. Batatas,
  3. Bagas de Goji,
  4. Beringelas,
  5. Pimentas.

 

Precisa ir ao médico se:

  • Não consegue suportar o peso sobre o joelho
  • A articulação está inchada
  • Não se pode estender ou flexionar totalmente o joelho
  • Se vê uma deformidade visível na perna
  • Em caso de febre associada com vermelhidão, dor e inchaço da articulação.
  • Se sente o joelho instável

 

Diagnóstico

Durante o exame físico, o médico deve verificar a presença de inchaço, dor, rigidez, calor e hematomas no joelho.

Em seguida, deve avaliar a magnitude do movimento, se e possivél dobrar e esticar completamente.
É importante controlar a integridade dos ligamentos e meniscos com testes específicos para o joelho.

 

Exames de diagnóstico de imagem

  • Radiografia. Seu médico pode recomendar uma radiografia para detectar:
    • Fraturas ósseas,
    • Artrose,
    • Uma massa tumoral,
    • As condições de uma prótese de joelho inserida no passado,
    • Se o joelho é varo ou valgo, ou seja, não está bem alinhado.
  • Tomografia computadorizada – pode ajudar a diagnosticar os problemas ósseos e ver se há corpos estranhos.
  • Ultra-som. Esta tecnologia ultiliza ondas sonoras para criar imagens de tecidos moles em tempo real dentro do joelho.
    Este exame não é o mais adequado, porque ele não podem ver o interior da articulação, de modo que é utilizado para avaliar os meniscos, ossos, ligamentos e fluido das articulações.
  • A ressonância magnética (RM) utiliza ondas de rádio e um poderoso ímã para visualizar o interior do joelho. Esse exame é particularmente útil para revelar lesões dos tecidos moles, tais como tendões, ligamentos, músculos e cartilagens.
  • Exames de laboratório. Se o médico suspeitar de uma infecção, a gota é muito provável que prescreva exames de sangue e artrocentese (um procedimento no qual se aspira uma pequena quantidade de fluido da articulação com uma agulha e envia para um laboratório para análise).

 

Leia também: