Dor no pênis – causas e tratamento

A dor no pênis pode ser percebida como um incômodo dentro ou fora do órgão genital masculino.

INDICE

 

O pênis é um órgão do sistema reprodutor masculino, composto de várias partes:
  • Raiz: conecta o pênis na parede abdominal,
  • Corpo,
  • Glande (ponta do pênis),
  • Uretra, o tubo que transporta o sémen e a urina fora do corpo.

 

A dor pode começar de repente ou o incômodo pode crescer gradualmente e persistir ao longo do tempo.

Pode ocorrer por toda a superfície, ou é mais intenso no lado direito ou esquerdo.
A dor no pênis pode variar de uma dor latejante a um formigamento e pode ocorrer devido a muitas doenças:

 


Causas de dor no pênis?

A dor no pênis ocorre pelas seguintes razões:

Doença de Peyronie
A doença de Peyronie é uma inflamação que causa a formação de uma fina camada de tecido cicatricial (chamada placa) ao longo dos lados do pénis.
O tecido cicatricial endurece e durante a ereção, o pênis se dobra. A curvatura na direção da placa ocorre quando o pênis está ereto.
A doença pode causar dor durante a erecção, dentro do pénis.

Priapismo
O priapismo provoca uma ereção dolorosa espontânea, mesmo quando o homem não tem excitação sexual.
É mais frequente:

  • Em crianças entre 5 e 10 anos
  • Em homens com idade entre 20 e 50 anos.

O priapismo venoso deve ser tratado imediatamente ou poderá causar danos permanentes ao pénis ao ponto de evitar completamente as ereções.

As causas possíveis são:

  • Pode ser um efeito colateral dos medicamentos prescritos para tratar problemas de ereção, depressão, problemas de coagulação do sangue, distúrbios de saúde mental,
  • Problemas de circulação,
  • Leucemia,
  • Álcool,
  • Drogas,
  • Lesão da medula espinhal.

Balanite
A balanite é uma infecção da glande (pode se estender o prepúcio) que causa dor e queimação nessas partes do corpo.
Geralmente afeta os homens e os meninos não circuncidados ou aqueles que não se lavam regularmente sob o prepúcio.
A balanite é uma infecção causada por:

  1. Uma bactéria ou um fungo e é transmitida sexualmente
  2. Uma reação alérgica a sabonetes, perfumes e outros produtos.

Além da dor se pode desenvolver:

Em casos mais graves que não respondem ao tratamento, o médico pode recomendar uma biópsia da glande para entender se existem outras doenças ao mesmo tempo.

Infecções sexualmente transmissíveis
Uma doença sexualmente transmissível pode causar dor no pênis.
As doenças sexualmente transmissíveis que causam dor são as seguintes:

1. Clamídia,
2. Candida,
3. Gonorréia,
4. Herpes Genital,
5. Sífilis.

Infecção do trato urinário
A infecção do trato urinário (por exemplo, cistite) é muito freqüente em mulheres, mas também pode afetar os homens.
A probabilidade de contrair uma infecção aumenta quando a pessoa está imunodeprimida ou seja com o sistema imunitário enfraquecido.
Outras causas possíveis são:

  • Ter uma obstrução no trato urinário,
  • Haver uma relação sexual com um indivíduo que tem um infecção,
  • Relação sexual posterior,
  • Haver um aumento da próstata (Hiperplasia prostática).

Prostatite
A prostatite é a inflamação da glândula prostática, pode ser aguda ou crônica.
Os sintomas desta doença são:

Lesões
Como qualquer outra parte do corpo, o pénis pode ser danificado devido a uma lesão que provoca uma dor latejante insuportável.
As causas são muitas:

1. Acidente de carro
2. Queimaduras,
3. Relação sexual violenta,
4. Usar um anel ao redor do pênis para prolongar uma ereção,
5. Durante a relação sexual oral os dentes e um piercing podem causar dor pelo atrito,
6. Inserir objetos na uretra. Neste caso, a dor é perceptível ao toque.

A ruptura do frênulo é uma lesão completa ou parcial da pele que liga o pênis ao prepúcio.
A lesão pode ocorrer durante a relação sexual e causa dor e sangramento.

Fimose e Parafimose
A fimose ocorre em homens não circuncidados quando o prepúcio é muito apertado e não é possível descobrir a glande.
É uma das principais causas de dor no pênis em crianças.
Também pode ocorrer por causa de:

  • Balanite,
  • Falta de desenvolvimento do prepúcio em crianças.

Uma doença relacionada, a parafimose ocorre quando o prepúcio é retraído e não consegue voltar para sua posição original.
A glande permanece descoberta.
A Parafimose é uma emergência, porque pode impedir de urinar e pode causar à morte do tecido do pênis.

 

Tumor
O câncer no pênis causa dor na glande, felizmente, esta doença é rara.
Alguns fatores de risco aumentam a probabilidade de contrair a doença:

Dor no pênisO câncer nos testículos ocorre na glândula testicular.
Os sintomas de câncer de testículo incluem:

  • Massa ou nódulo palpável nos testículos;
  • Dor no escroto, virilha e abdômen inferior;
  • Forte dor lombar (apenas em caso de cancro avançado com metástases);
  • Acúmulo de líquido no escroto;
  • Ardência ao ejacular.
  • Aumento ou redução do tamanho dos testículos.

 


O que causa dor no pênis durante a relação sexual?

A dor durante as relações sexuais muda o desempenho sexual.
É possível ter efeitos psicológicos como medo de penetração que causa impotência psicológica.

Existem várias causas possíveis de dor durante a relação sexual:

  • Infecção: a dor pode ocorrer devido a infecções por vírus herpes ou gonorréia.
  • Problemas de prepúcio: um prepúcio muito apertado (fimose), laceração por fricção e a inflamação podem causar dor.
  • Deformidade do pênis: doenças como hipospadia ou tecido cicatricial causado por traumas anteriores podem ser a causa de relações sexuais dolorosas.
  • Tumores (benignos ou malignos), bem como os cálculos do trato urinário podem causar dor.
  • Priapismo: ocorre uma ereção não de origem sexual e muitas vezes é dolorosa e prolongada.
  • Alergias: alguns homens têm uma reação alérgica a fluidos vaginais ou produtos químicos presentes nos presevativos.
  • Existem algumas razões por que um homem pode ter desconforto durante a relação.
    Quando uma pessoa não têm relações sexuais (ou masturbação) por um tempo não deveria necessariamente sentir dor.
    No entanto é necessário pensar se no passado ocorreu algum problema durante os períodos de abstinência.

 



Tratamento para dor no pênis

Se a dor ocorre durante a penetração recomedamos o uso de um lubrificante para tornar a relação sexual mais agradável.
A falta de lubrificação pode puxar a pele do pénis de forma dolorosa durante a relação sexual.

As pessoas que nunca usaram um lubrificante podem provar uma água de pH equilibrado: estas não contêm substâncias irritantes e são projetadas para sentir a umidade natural da mulher.

Se a dor ocorre apenas em uma determinada posição, recomenda-se mudar de posição.
Isso permite que você tenha mais controle sobre a profundidade e o ângulo de penetração.

 

Dieta e alimentação para dor no pênis

Em geral, a nutrição pode promover ou lutar:

1. A inflamação,
2. Inchaço,
3. Hipersensibilidade da glande.

De acordo com o higienismo, a melhor dieta é vegana e crudivora, ou seja você tem que comer:

1. Frutas cruas e vegetais,
2. Frutas oleaginosas (tais como nozes),
3. Batatas,
4. Legumes frescos.


A dieta do tipo sanguíneo muda dependendo do grupo de sangue de um indivíduo porque existem alimentos que são tolerados pelas pessoas de um grupo, mas podem causar sintomas em outros.

Todos devem seguir uma dieta com uma grande quantidade de proteína e vegetais (repolho, chicória, alface, aipo, etc.).
Os alimentos a evitar para todos:

  • Leite e produtos lácteos,
  • Alimentos fritos e fumado ,
  • Cereais com glúten, tais como pizza que também contém produtos lácteos,
  • Gomas de mascar porque contêm adoçantes,
  • O excesso de frutos e nozes.

Essas teorias dietéticas são contra o uso de medicação, em vez recomendam remédios naturais como:

  • Cataplasma de argila ou ricota,
  • Muito exercício.

 


Dor após a relação sexual

O pênis pode se machucar depois de uma relação sexual, as causas são múltiplas:

  • Pessíma lubrificação,
  • Atrito excessivo do pênis,
  • Relação sexual violenta.

Se a dor for acompanhada de uma erupção cutânea, inchaço, etc. é provável que o segundo sintoma seja explicado por uma das causas listadas acima.
O seu médico pode prescrever a aplicação de um creme com vitaminas para o pênis após a relação sexual.
Uma loção com os seguintes princípios ativos pode dar alívio al paciente:

  • Acetil L-carnitina,
  • L-arginina para ajudar o fluxo sanguíneo.

 


Dor no pênis ereto

Doença de Peyronie
Na doença de Peyronie, o principal sintoma é a dor no pênis durante uma ereção.
Ao longo do tempo, a dor tende a diminuir mas os homens têm dificuldade em conseguir uma ereção. Este sintoma é chamado de disfunção erétil.
A causa da doença de Peyronie é desconhecida, ocorre mais comumente em homens de quarenta anos.
Essa desordem pode causar alterações no fluxo sangüíneo para o pênis.

 

Ereções durante o sono
Alguns homens têm um problema de saúde chamado de parasomnia que pode causar ereções dolorosas.
Essas ereções ocorrem durante uma fase do sono: a fase REM.
Isso provoca o endurecimento doloroso do pênis que desperta o homem freqüentemente.
Se o sono é perturbado, a qualidade de vida piora.
Esta doença é rara e inicia após a quarta década de vida.
Os sintomas pioram progressivamente com o avançar da idade.

Dado que este sintoma ocorre apenas durante a noite, de acordo com a dieta do tipo de sangue e a medicina natural, a causa pode ser o que você comeu no jantar.

 

Medicamentos, comprimidos

O médico pode prescrever alguns medicamentos para a dor no pênis:

  • Propranolol: beta-bloqueante,
  • Paxil® (Paroxetina): antidepressivo.

Os antidepressivos tratam as ereções noturnas dolorosas. O problema não é considerado psiquiátrico.

Injeções no pênis
Os resultados de uma cirurgia de próstata (como a remoção de um câncer) podem causar uma redução de ereções.
Um tratamento eficaz consiste em injeções no pênis, embora hoje tenham sido substituídos por comprimidos de tadalafila ou Citrato de sildenafila.

O médico pode prescrever drogas vasodilatadoras que podem ser injetados nos corpos cavernosos do pênis antes de uma relação sexual:

  • Papaverina (Dipaverina),
  • Fentolamina (Regitina).

As injeções no pênis podem causar efeitos colaterais:

  • Dor no ponto da injeção.
  • O buraco da agulha em um tecido rico de vasos sanguíneos pode causar sangramento.
  • Se a dosagem da medicação é muito alta, você obterá uma ereção prolongada e dolorosa.

Esse medicamento deve ser usado somente sob orientação médica.

Dispositivos de vácuo
Outra fonte de dor é causada por dispositivos de ereção a vácuo.
Este dispositivo tem uso médico para homens que têm uma inabilidade para conseguir uma ereção.

Priapismo
Nos homens o priapismo é uma ereção prolongada e dolorosa do pênis. Durante o endurecimento o pénis pode haver um fluxo de sangue alto ou baixo.
O priapismo é uma emergência médica. Muitos medicamentos podem aumentar as chances de desenvolver o priapismo.
Felizmente é uma doença rara.

Uso excessivo
Nem todas as causas de dor no pênis são o sintoma de uma doença grave.
O uso excessivo do pênis na atividade sexual pode causar dor na glande e na coroa durante a ereção (área circular na base da glande).
Recomenda-se suspender as relações sexuais por alguns dias.

Dica: se o pênis é muito esfregado vai doer como qualquer outro tecido. Vai se tornar dolorido e sensível.
Existem substâncias irritantes que podem causar uma inflamação na pele.
O uso destes produtos provoca uma ereção dolorosa.
A dor é sentida no lado de fora do pênis.
Recomendamos de não usar lubrificantes irritantes no pênis.

 


Como evitar sentir dor no pênis?

Você pode tomar algumas medidas para reduzir as chances de desenvolver dor, tais como:

  • Usar camisinha durante a relação sexual,
  • Evitar relações sexuais com parceiros que têm uma infecção ativa,
  • Evite movimentos bruscos que podem dobrar o pênis,
  • Executar a circuncisão quando você tem repetidas infecções no prepúcio,
  • Ter uma higiene pessoal adequada.

Top