Sangue na urina

ÍNDICE

O termo médico hematúria é utilizado para descrever o sangue na urina que ocorre devido a uma hemorragia no sistema urinário.
A urina em geral aparece vermelha e raramente observam-se os coágulos de sangue.
Às vezes o sangramento pode ser a nível microscópico e a urina pode parecer normal.
Nestes casos, o sangue pode ser detectado apenas por análise laboratorial.

 

Classificação da hematúria

  • A hematúria visível (também chamada de hematúria macroscópica) ocorre quando o sangue é visto a olho nu.
  • A hematúria não visível (também chamada de hematúria microscópica) acontece quando há traços de sangue que podem ser vistos apenas com uma análise microscópica.

Hematúria não visível sintomática: os sintomas associados estão relacionados com o trato urinário inferior: hesitação, urgência, frequência e disúria.

Hematúria não visível sem sintomas: observa-se em caso de análise acidental ou fortuita.

Embora ver sangue na urina possa ser assustador, na maior parte das vezes a hematúria não causa risco de vida e não provoca sintomas.
No entanto, é importante estudar a causa da hematúria porque pode ser uma doença grave.

A urina turva pode ser causada pela presença de leucócitos, ou seja, glóbulos brancos normalmente encontrados no sangue.
Quando os leucócitos chegam à urina significa que há uma infecção no sistema urinário.

 

Causas de sangue na urina

Na hematúria, os rins ou outras partes do sistema urinário derramam as células do sangue na urina.

Várias doenças podem causar a perda de sangue, incluindo:

Infecções do trato urinário
As infecções do trato urinário (tais como cistite) podem ocorrer quando as bactérias entram no corpo através da uretra e começam a se multiplicar na bexiga.
Esse distúrbio deve ser suspeitado na mulheres grávidas porque é bastante comum e também em recém-nascidos ou lactentes.
Os sintomas incluem um desejo persistente de urinar, dor e queimação durante a micção e um cheiro da urina extremamente forte.
Para algumas pessoas, especialmente os idosos, o único sinal da doença são traços de sangue microscópicos.

Infecções renais
As infecções nos rins (pielonefrite) podem ocorrer quando as bactérias entram nos rins pela corrente sanguínea ou sobem dos ureteres e chegam aos rins.
Os sinais e sintomas são muitas vezes semelhantes às infecções da bexiga, embora as infecções renais tenham maior probabilidade de causar febre e dor no lado direito ou esquerdo do abdômen.

pedras,nos,rinsCálculos renais ou na bexiga
Os minerais na urina concentrada às vezes precipitam formando cristais nas paredes da bexiga ou dos rins.
Com o tempo, os cristais podem se tornar pedras pequenas e duras.
As pedras renais são geralmente indolores e provavelmente a pessoa não sabe que as tem se não causarem uma obstrução do fluxo da urina ou se não saírem.
Geralmente não há erros no reconhecimento dos sintomas.
As pedras nos rins, em particular, podem causar uma dor excruciante.
As pedras nos rins ou na bexiga podem causar sangramento visível ou microscópico.

Aumento da próstata
A próstata está localizada logo abaixo da bexiga e circunda a parte superior da uretra; muitas vezes começa a crescer quando os homens chegam perto dos 50 anos.
Quando a glândula aumenta de volume comprime a uretra, bloqueando parcialmente o fluxo de urina.
Os sinais e sintomas de um aumento da próstata (hiperplasia benigna da próstata) incluem a dificuldade para urinar, necessidade persistente ou urgente de urinar, e sangue na urina, visível ou microscópico.
A infecção da próstata (prostatite) pode causar sinais e sintomas em machos.

Doenças renais
Um sangramento urinário microscópico é o sintoma mais comum de glomerulonefrite que causa inflamação do sistema de filtração dos rins.
A glomerulonefrite pode ser a consequência de uma doença sistêmica, como a diabetes, ou pode ocorrer por si só.
Esta doença pode ser desencadeada por infecções virais ou bacterianas (por exemplo, Streptococcus), doenças dos vasos sanguíneos (vasculite) e problemas imunológicos, tais como nefropatia por IgA ou doença de Berger, que afeta os pequenos vasos capilares que filtram o sangue no rim (glomérulos).

Câncer
Sangue visível na urina pode ser um sinal de câncer avançado da próstata, nos rins ou na bexiga. Infelizmente, não existem sinais ou sintomas nas fases iniciais, quando estes tumores ainda são curáveis.

Desordens hereditárias
Doença falciforme — um defeito hereditário de hemoglobina nos glóbulos vermelhos pode ser a causa de sangue na urina, tanto hematúria microscópica como visível.
A síndrome de Alport afeta as membranas de filtração nos glomérulos dos rins.

Danos nos rins
Um trauma ou outras lesões dos rins causadas por um acidente ou um esporte de contato podem causar sangue na urina visível.

Medicamentos
Alguns medicamentos podem causar hematúria, por exemplo, aspirina, penicilina, anticoagulantes como heparina e ciclofosfamida (Endoxan Baxter), que é uma medicação anticâncer.

Atividade física intensa
Não é claro porque o exercício provoca hematúria visível. Pode ser um trauma na bexiga, desidratação ou a ruptura das células vermelhas do sangue que ocorre com exercício aeróbio prolongado.
Os corredores são mais atingidos, embora quase todos os atletas possam desenvolver sangue visível na urina após um treino intenso.

O cateter na bexiga
O cateter pode ferir as paredes da bexiga quando é inserido ou durante o movimento do corpo porque arranha o interior. Deve ser inserido com delicadeza por pessoal especializado.

 

Quais são os sintomas associados ao sangue na urina?

Alguns pacientes são completamente assintomáticos, especialmente se o sangue for detectável somente com uma análise microscópica da urina.

Alguns sintomas associados podem ser:

Sintomas associados à infecção:

Infecção renal mais grave:

Os sintomas associados ao aumento da próstata:

  • Micção frequente, também de  pequenas quantidades de urina, porque a próstata exerce pressão contra a bexiga. A necessidade de urinar com frequência também aparece durante a noite,
  • Urgência para urinar,
  • Dificuldade para iniciar a micção,
  • Gotejamento no fim da micção,
  • Fluxo de urina reduzido.

Tontura ou vertigem, especialmente quando se levanta da posição sentada.

  • Cor pálida.
  • Batimento cardíaco rápido.
  • Retenção urinária (impossibilidade de urinar): se os coágulos de sangue se formam na bexiga, se pode bloquear o esvaziamento da bexiga e o paciente terá problemas para urinar.

 

 

Sangue na urinaDiagnóstico de sangue na urina

Existem vários testes disponíveis para determinar a causa da hematúria. A maioria das pessoas não precisa de todos eles.

  • Exames de urina, os exames de urina podem dar pistas sobre a causa da hematúria.

Isso inclui uma citologia da urina que usa um microscópio para analisar as células da parede interna da bexiga e dos rins (encontrada na urina).
As mulheres devem evitar o exame de urina durante a menstruação porque o resultado pode ser afetado.

  • Exames de sangue, os exames de sangue podem ser usados para procurar por sinais de problemas renais ou outras doenças que podem causar hematúria.
  • A tomografia computadorizada (TC) é um exame radiológico que examina a estrutura dos rins, ureteres e bexiga. Pedras nos rins ou anormalidades nos rins, ureteres e bexiga, geralmente podem ser vistos com uma tomografia.
    Geralmente, injeta-se um corante na veia durante o exame para destacar todas as possíveis anomalias.
  • Ecografia dos rins, uma ultrassonografia dos rins é uma alternativa à tomografia computadorizada e é conveniente para as pessoas que são alérgicas ao meio de contraste usado na TC. A ultrassonografia usa ondas sonoras para criar uma imagem da estrutura dos rins.
  • A cistoscopia é um procedimento que é realizado para examinar a parede da bexiga para determinar se há qualquer anormalidade.
    O exame é feito como um procedimento cirúrgico no hospital dia.
    Um pequeno tubo com uma câmera é inserido na bexiga através da uretra. Antes de inserir o tubo, para diminuir o desconforto é aplicado um gel anestésico.
    A maioria dos pacientes tolera este procedimento muito bem.
    Se o médico detectar a presença de tecido anormal, pode realizar uma biópsia.
    O material recolhido com a biópsia é examinado ao microscópio para determinar se estão presentes células anormais ou cancerosas.
  • Biopsia dos rins, durante uma biópsia, o médico remove um pequeno pedaço de tecido dos rins; em seguida, o tecido é examinado ao microscópio para descobrir se há uma doença renal.

 

Diagnóstico diferencial

Outras causas de urina escura ou vermelha:

  • Hemoglobinúria: significa hemoglobina na urina,
  • Mioglobinúria: presença de mioglobina na urina,
  • Alimentos, como por exemplo a beterraba,
  • Medicamentos como a rifampicina, nitrofurantoína,
  • Porfiria: a urina torna-se escura,
  • Bilirrubinúria: doença biliar obstrutiva.

 

Tratamento para sangue na urina

Se houver sangue visível na urina, é necessário consultar um médico sem demora.

Tratamentos médicos para hematúria
Muitas doenças podem causar sangue na urina. Algumas delas têm pouca importância médica e não requerem tratamento.
Outros casos podem ser graves e precisam de tratamento imediato.
O tratamento depende da causa subjacente à hematúria.

Pedras nos rins
Na maioria dos casos de pedras nos rins, o tratamento consiste em beber muita água e tomar medicamentos para a dor.
A maioria dos cálculos (pedras) atravessam o sistema urinário por si só. Em certos casos, algumas medidas mais importantes podem ser necessárias.
areia,renalUma forma de terapia chamada ondas de choque extracorpóreas usa ondas sonoras para quebrar as pedras em pedaços muito pequenos ou areia. Os pedaços menores conseguem percorrer a uretra mais facilmente, embora isso possa causar um pouco de dor.
Outro tipo de terapia é a ureteroscopia que serve para localizar as pedras no ureter e removê-las com uma ferramenta fina e flexível, parecida com um tubo.

Infecção do trato urinário
A terapia é usada para eliminar a bactéria responsável pela infecção.
Se não houver outra doença significativa, provavelmente o paciente precisará de um ciclo de antibióticos de 3 a 14 dias, dependendo da fonte da infecção.

Aumento benigno da próstata
Às vezes evitar a medicação que irrita a próstata ou que atua sobre o fluxo de urina pode ajudar. Raramente, são necessários medicamentos ou cirurgia para reduzir o tamanho da próstata.

Medicamentos
Se um medicamento provocar o sangue na urina, o médico poderá ordenar a interrupção da medicação e possivelmente recomendar uma alternativa viável.
Alguns medicamentos só descoloram a urina sem causar hematúria.
O médico deve determinar se eles ainda podem ser tomados.
Não se deve interromper uma medicação antes de consultar o médico.

Obstrução do trato urinário
Um bloqueio exige geralmente uma cirurgia ou outros procedimentos para corrigir ou remover a causa.

Danos ao tecido
Eles podem sarar com o tempo ou pode ser necessária uma cirurgia ou outro procedimento para reparar os danos e remover o tecido danificado.

 

Remédios naturais para sangue na urina

Em caso de infecção urinária, pedras nos rins ou inflamação da próstata, a alimentação natural pode ser muito útil para curar.
Geralmente, a medicina convencional não indica uma dieta para curar as doenças, mas apenas medicamentos.
Na minha experiência, tenho visto que os melhores resultados são obtidos com dois tipos de alimentação:

  • Dieta do tipo Sanguíneo de Dr. D’Adamo e Mozzi, consiste em uma alimentação diferente de acordo com o tipo de sangue. Em especial, recomenda-se evitar os produtos lácteos para os problemas da próstata e pedras nos rins, enquanto para as infecções também é preciso evitar carne de porco, embutidos, pimenta-do-reino, pimenta vermelha, sobremesas cremosas, chá e tomates.
  • De acordo com o higienismo de Shelton, é necessário adotar um estilo de vida saudável e uma dieta vegan/crudívora (alimentação crua) com muitas frutas e vegetais crus, nozes, sementes e leguminosas.

Leia também