Cor das fezes

ÍNDICE

A cor das fezes depende dos pigmentos biliares (bilirrubina e biliverdina) contidos na bile.
As fezes normais são de cor marrom pálido ou escuro, de acordo com a composição:

  • Água,
  • Bactérias,
  • Bile,
  • Bilirrubina,
  • Hemoglobina,
  • Substâncias vegetais não digeríveis como celulose, proteínas e gorduras.

A cor das fezes pode indicar problemas importantes; algumas cores anormais são:

  • Branco
  • Verde
  • Amarelo
  • Nero
  • Cor de argila (fezes alcoólicas)
  • Vermelho
  • Marrom-avermelhado.

 

O que determina a cor das fezes?

A bile é um líquido amarelo-ouro composto por muitas substâncias químicas, uma das quais é a bilirrubina.
A bile é produzida pela vesícula biliar e, em seguida, é transportada para o intestino.

A hemoglobina é uma proteína contida nos glóbulos vermelhos que serve para transportar o oxigênio.
Quando os glóbulos vermelhos morrem, eles se decompõem naturalmente no fígado e baço.
Este processo libera a hemoglobina que continham.
O heme é produzido pela degradação da hemoglobina e é o principal componente da bile.
O heme é a substância que dá cor à bile.

Quando a bile viaja através do intestino, sofre outras alterações químicas e muda de cor.

A bilirrubina contida na bile é degradada no intestino em:

  • Urobilina, uma substância amarelada que é excretada pela urina,
  • Estercobilina, um composto castanho que é excretado com as fezes.

A cor das fezes e da urina depende dessas duas substâncias.

Por exemplo, se o tempo de viagem através do intestino for curto, a bile não tem tempo para mudar de cor e as fezes podem ser verdes.

A cor das fezes pode ser alterada por muitos motivos:

  • Uma mudança na cor das fezes pode não ser importante, especialmente se o evento ocorrer apenas uma vez.
  • As alterações na cor das fezes que persistem podem indicar uma doença.

 


Fezes vermelhas

As fezes vermelho brilhante indicam sangramento no trato gastrointestinal inferior (ânus e reto) devido a algumas doenças, como hemorroidas, diverticulose ou doenças mais graves, como o câncer do intestino reto.
As fezes vermelhas (ou avermelhadas) também podem ser causadas pela ingestão de um corante alimentício vermelho ou de alimentos de cor vermelha, como beterraba e suco de tomate.
Esta condição deve ser sempre comunicada ao médico, mas não é sempre o sinal de uma doença grave.

Causas das fezes vermelhas

Sintomas associados

Tratamento

Mudar a alimentação para tratar as hemorroidas e fissuras anais.

  • Comer mais frutas, frutos de casca (sem exagerar) e verdura,
  • Limitar os grãos: podem ser substituídos por batatas e leguminosas,
  • Evitar alimentos processados, fritos e junk food,
  • Evitar alimentos condimentados e picantes.

Consultar um médico para descartar hemorragia por câncer.

 


Fezes vermelho escuro ou cor de vinho

Fezes de cor vermelho escuro indicam um sangramento no cólon ou doenças do trato digestivo superior.

Causas das fezes vermelho escuro

  • Parasitas intestinais ou infecções,
  • Diverticulite,
  • Síndrome do intestino irritável,
  • Tumores do trato gastrointestinal superior,
  • Pólipos,
  • Úlceras,
  • Doenças do esôfago,
  • Álcool em excesso,
  • Certos medicamentos.

Sintomas associados

  • Dor abdominal,
  • Vômitos,
  • Diarreia,
  • Fraqueza,
  • Tonturas.

Tratamento

  • Parar de beber álcool,
  • Evitar medicamentos que possam causar irritação gástrica,
  • Tratar infecções ou infestação parasitária,
  • Consultar um médico para descartar o sangramento do trato gastrointestinal superior.

 

Fezes verdes

As fezes verdes podem ocorrer se o conteúdo do intestino se mover muito rapidamente em direção ao reto; assim, a biliverdina (de cor verde) contida na bile não tem a possibilidade de ser degradada para se tornar de cor marrom.
As fezes de cor verde claro são muito comuns, também depois de comer alimentos que contêm clorofila ou corantes verdes (como alface, rúcula, acelga, espinafre, etc.).
A cor verde claro não indica uma doença.

Causas das fezes verdes claras e escuras

Sintomas associados

Tratamento

  • Desintoxicar o fígado
  • Consultar um médico para descartar doenças do cólon.

 


Fezes amarelas

As fezes amarelas podem ser o resultado de uma disfunção da vesícula biliar que provoca interferência aos ductos biliares.

As fezes amarelas, oleosas e com mau cheiro podem ser causadas por:

  • Incapacidade de digerir gorduras devido a doenças que afetam a mucosa intestinal, tais como a doença celíaca ou fibrose cística.
  • Doenças do pâncreas que reduzem a produção de enzimas digestivas, tais como pancreatite.
  • Obstrução do ducto pancreático, por exemplo, no caso do câncer do pâncreas.
  • Redução da produção de bile, por exemplo no caso do bloqueio dos canais biliares ou câncer do fígado.
  • Infecção e intoxicação – A infecção por Giardia lamblia produz uma típica diarreia amarela.
    Além de causar diarreia, os diferentes tipos de infecções do trato gastrointestinal, doenças virais, bacterianas ou parasitárias podem causar alterações na cor das fezes.

Causas das fezes amarelas

Sintomas associados

  • Dor de barriga e desconforto abdominal,
  • Barriga inchada,
  • Diarreia,
  • Constipação.

Tratamento

  • Mudar a dieta e comer mais fibra e líquidos,
  • Consultar um médico para descartar doenças do fígado e pâncreas.

 

Fezes brancas ou claras

As fezes brancas podem ser um sinal de má absorção de gordura, como a pancreatite e o câncer no pâncreas.

As fezes brancas ou de cor de argila (castanho claro) indicam a ausência ou redução de pigmentos biliares (bilirrubina e substâncias derivadas).
A causa das fezes branco ou castanho muito claro pode ser:

  1. Redução da formação de bilirrubina,
  2. Obstrução do ducto biliar ou pancreático, em que a bile passa para ir do fígado para o intestino.

As fezes brancas podem ser causadas por um problema do sistema biliar, que é composto por:

  • Pâncreas (tais como a pancreatite e câncer pancreático),
  • Fígado, por exemplo colangite esclerosante, hepatite, cirrose e câncer do fígado,
  • Vesícula biliar. como cálculos biliares ou colecistite.

Outras causas:

  • O bário usado para radiografias pode dar a mesma aparência,
  • O muco nas fezes pode dar uma aparência esbranquiçada e pode ser devido a inflamações ou doenças benignas, como a síndrome do intestino irritável,
  • Doenças como mononucleose infecciosa, fibrose císticaanemia falciforme,
  • Arroz e batatas em excesso na alimentação,
  • Medicamentos à base de hidróxido de alumínio.

Sintomas associados

Tratamento

  • Melhorar a dieta,
  • Depuração do cólon e do fígado.

 

Fezes pretas

As fezes pretas (ou breu-pretas) podem ser causadas por sangramento do trato gastrointestinal superior (esôfago, estômago ou intestino delgado) e a cor negra indica a presença de sangue digerido (melena).

As fezes de cor cinza-escuro podem ser causadas pela presença excessiva de ferro devido à ingestão de:

  • Suplementos de ferro,
  • Muita carne ou chocolate,
  • Alimentos que contêm o bismuto.

Causas de fezes pretas (ou melena)

  • Comer alimentos de cor escura (carvão vegetal, alcaçuz, azeitonas pretas),
  • Maior ingestão de ferro,
  • Abuso de álcool,
  • Úlcera gástrica ou duodenal,
  • Sangramento por varizes esofágicas,
  • Outros tipos de hemorragia no trato gastrintestinal,
  • Certos medicamentos.

Sintomas associados

  • Dor de barriga,
  • Vômitos,
  • Diarreia,
  • Fraqueza,
  • Tontura,
  • Em caso de melena: fezes com odor ácido, pútrido e nauseante.

Tratamento

  • Parar de beber álcool,
  • Reduzir a ingestão de ferro,
  • Evitar medicamentos que podem causar irritação gástrica,
  • Consultar um médico para descartar doenças do trato gastrointestinal superior.

 

Fezes de cor laranja

Geralmente, as fezes de cor laranja não são causadas por uma doença, mas sim pela assunção de medicamentos ou ingestão de alimentos ricos em betacaroteno.

Causas das fezes cor laranja

  • Comer alimentos que são de cor laranja (cenouras, mangas, alperces, abóboras),
  • Suplementos à base de betacaroteno,
  • Medicamentos (por exemplo, rifampicina).

 

Quando é preciso se preocupar com a cor das fezes

Cor das fezesAs seguintes cores não são típicas e devem ser levadas imediatamente ao conhecimento do médico:

  • Vermelho brilhante,
  • Vermelho escuro,
  • Cor preta,
  • Cor de argila ou branco claro.

 

Cor das fezes dos bebês

A cor das fezes do recém-nascido depende de:

  • Idade;
  • Tipo de aleitamento: aleitamento materno ou mamadeira,
  • Se começou a comer alimentos sólidos.

Mecônio
Nos dois primeiros dias após o nascimento, a criança deve expulsar o mecônio.
Este material é composto por muco, líquido amniótico e tudo o que a criança ingeriu enquanto estava no útero.

O mecônio é preto-esverdeado e tem uma consistência pegajosa, semelhante ao piche.
Pode ser difícil de limpar, mas sua aparência é um sinal de que o intestino do bebê está funcionando normalmente.

Como são as fezes do bebê durante a amamentação no seio?
O colostro é o primeiro leite que sai do peito e atua como um laxante, favorecendo a expulsão do mecônio.
Após cerca de três dias, chega o leite e as fezes infantis mudam gradualmente.

As fezes nos primeiros dias têm estas características:

  • A cor é clara, pode variar de esverdeada a amarelo mostarda.
  • Estas fezes amarelas podem ter um odor um pouco ácido.
  • Em alguns casos, as fezes podem ter bolas (de caseína) e em outros momentos são feitas de material mole.

Nas primeiras semanas, a criança pode defecar durante ou depois de cada refeição.
Na primeira semana expele fezes cerca de quatro vezes por dia.
Com o tempo o intestino começa a trabalhar com regularidade.

Alguns bebês amamentados no seio podem defecar uma ou duas vezes por dia.
Isso não é um problema se as fezes forem moles, abundantes e saírem facilmente.

A regularidade da criança pode mudar:

  • Quando começa a comer alimentos sólidos,
  • Em caso de mal-estar.

 

A mamadeira afeta a cor das fezes do bebê?

Se criança beber leite em pó na mamadeira, as fezes podem ser diferentes daquelas de uma criança amamentada no seio.
É possível perceber que são:

  • Mais duras e mais difíceis de sair, enquanto um bebê amamentado no seio tem as fezes com consistência igual à de uma pasta de dentes. Isso ocorre porque o leite artificial não pode ser digerido completamente como o leite materno.
  • Pálidas, amarelas ou têm uma cor amarelada.
  • Cheiro levemente ácido,

Os recém-nascidos amamentados com mamadeiras são mais propensos à constipação do que as crianças amamentadas no seio.

Os efeitos do leite materno em comparação com o artificial
O leite materno é absorvido quase completamente. Às vezes o material residual é tão pouco que a criança não evacua por 2-3 dias.
Muitas crianças amamentadas no seio têm fezes de cor amarelo-mostarda após cada mamada, pelo menos por um curto período de tempo.

As crianças que bebem leite artificial tendem a ter fezes mais escuras.

Dicas para os pais

  • Não é o caso de se assustar com as mudanças na cor das fezes do bebê.
    Em crianças saudáveis, as fezes mudam de cor quando a dieta é modificada.
  • Quando o sistema digestivo amadurece, preenche-se com novas bactérias.
  • É raro que as alterações na cor sejam um sinal de um problema no sistema digestivo.
  • Normalmente, as variações de cor significam apenas que há mais ou menos pigmentos amarelos/verdes/marrons/laranjas que são ingeridos.

Quando é necessário se preocupar com as fezes do bebê

  • Se a cor das fezes do bebê for branco-gesso, pode faltar a bile.
  • Se as fezes forem pretas, pode haver sangue no trato digestivo que se torna escuro enquanto viaja no intestino (sangue digerido).
  • Se houver sangue vermelho brilhante nas fezes o sangramento é muito perto do ânus; isso acontece tanto em crianças, como em adultos.
    As fezes vermelhas podem ser causadas por certos medicamentos, beterraba e corantes alimentícios.
  • Não é o caso de se preocupar com fezes verdes, laranjas ou amarelas.
    São normais durante o crescimento e raramente indicam um problema digestivo.

 

Cor das fezes na gravidez

Causas da mudança de cor das fezes durante a gravidez

Dieta
A alimentação da mulher grávida afeta a cor das fezes.
As mulheres grávidas comem muitos vegetais com folhas verdes, tais como espinafre e brócolis, porque eles contêm substâncias nutricionais essenciais para o desenvolvimento fetal.
A clorofila (pigmento verde) presente nestes vegetais mistura-se com a matéria fecal, causando as fezes verdes.

Vitaminas pré-natais
A adição de vitaminas pré-natais à dieta pode causar a defecação de fezes verdes ou pretas durante a gravidez.

Medicamentos
As mulheres que tomam certos medicamentos durante a gravidez podem observar as fezes verdes.
Por exemplo, as mulheres grávidas com gripe tomam frequentemente antibióticos para obter alívio.
A evacuação de fezes claras ou verdes pode ser causada por estes antibióticos.

Leia também