Linfonodos do pescoço inchados

Os linfonodos do pescoço inchados podem ser causados por várias doenças.

ÍNDICE

O inchaço dos gânglios linfáticos também é conhecido como íngua ou linfadenopatia.
Em algumas partes do pescoço, os gânglios linfáticos são subdivididos de acordo com a localização anatômica, por exemplo:

  • Submentonianos,
  • Supraclaviculares,
  • Cervicais,
  • Submandibulares, etc.

Gânglios linfáticos, pescoço,toráxO aumento de tamanho dos gânglios linfáticos na região do pescoço é um exemplo de linfadenopatia localizada.
Os linfonodos inchados podem ser encontrados simultaneamente em diferentes áreas do corpo, por exemplo:

  • Na virilha,
  • Nas axilas,
  • No pescoço.

Neste caso, fala-se de linfadenopatia generalizada.

 

Sintomas relacionados com os linfonodos do pescoço inchados

O inchaço dos gânglios linfáticos no pescoço é um sintoma e pode estar associado com:

  • Dor cervical.
  • Dormência na área.
  • Pode haver alterações na pele sobrejacente (vermelhidão, etc.), a pele sobrejacente pode ser móvel ou unida aos linfonodos.
  • O tamanho aumentado dos gânglios linfáticos pode ter uma textura diferente dependendo da causa subjacente (por exemplo mole, gomoso, duro, etc.).
  • Pode haver outros sintomas associados, mas não limitados à região afetada.
  • Os sintomas são muito variáveis e dependem da causa exata da doença que causa inchaço dos gânglios linfáticos no pescoço.

 

Causas de linfonodos do pescoço inchados

O inchaço dos gânglios linfáticos é geralmente causado por uma infecção ou uma massa maligna (tumor) no corpo.
Raramente os linfonodos inchados são a consequência de doenças imunes sistêmicas como:

Infecções – várias infecções frequentes na região da cabeça e pescoço podem causar inchaço dos gânglios linfáticos cervicais, por exemplo:

Tumor – diferentes tipos de câncer podem causar íngua no pescoço.

  • Os tumores que se originam nos tecidos linfoides podem causar linfadenopatia localizada no pescoço, por exemplo, linfoma:
    • Hodgkin,
    • Não Hodgkin.
  • Até mesmo a leucemia (“câncer do sangue”) pode causar os gânglios linfáticos sempre inchaços.
  • Quase todos os tipos de câncer, quando se espalham (metástase), podem provocar o aumento dos órgãos do sistema linfático.
  • Os tumores da cabeça e do pescoço (câncer de garganta, câncer de laringe) podem causar íngua na região do pescoço, por exemplo:
  • Os gânglios linfáticos acima da clavícula (linfonodos supraclaviculares) incham-se muitas vezes devido a um tumor e, portanto, uma avaliação completa é necessária para excluir uma massa maligna no tórax ou no abdômen.
  • Hoje, no caso de câncer, o cirurgião realiza uma cirurgia para remover o tecido maligno e o linfonodo sentinela onde chegaram as células cancerosas. No passado, eram retirados todos os linfonodos da região afetada.

Mononucleose
Esta é uma doença viral comum, causada pelo vírus Epstein-Barr (VEB).
Geralmente afeta pessoas jovens e causa uma sensação de fraqueza e fadiga por semanas ou até mesmo meses.
É também chamada de “doença do beijo” porque se espalha através da troca de:

  • Saliva,
  • Muco.

Os sintomas incluem:

Às vezes, também pode inchar o baço, causando dor de barriga.
O tratamento prevê:

  • Muito descanso,
  • A administração de analgésicos,
  • Antibióticos (para o tratamento de faringite),
  • Gargarejos com água salgada.

É necessário evitar esportes de contato e levantamento de peso para proteger o baço, que pode se romper em caso de mononucleose.

Outras causas
Os nódulos linfáticos inchados no pescoço também podem ser devidos a:

  • Resfriado
  • Infecção da pele
  • Infecção da orelha (otite)
  • Infecção do trato respiratório superior
  • AIDS
  • Herpes
  • Tuberculose
  • Efeitos colaterais de certos medicamentos ou vacinas.

O inchaço do pescoço também pode indicar:

As glândulas salivares estão localizadas na parte superior do pescoço, logo abaixo da mandíbula e na frente da orelha.
A glândula tireoide situa-se na parte mais baixa do pescoço, perto do pomo de Adão.

 

Linfonodos do pescoço inchados nos lados direito ou esquerdo

Os linfonodos localizados na cabeça e na região do pescoço encontram-se na área cervical anterior e posterior.

Os grupos de tecido linfoide ficam inflamados por causa de um ataque de:

  • Bactérias,
  • Vírus,
  • Outros micróbios patogênicos.

Na maioria dos casos, o inchaço dos gânglios linfáticos nos lados direito ou esquerdo do pescoço pode ser causado por:

  • Infecções patogênicas,
  • Doenças inflamatórias.

A epiglote é uma espécie de lâmina de cartilagem localizada na base da língua. Essa estrutura pode se inflamar devido a infecções respiratórias.
Se uma lesão cutânea na região do pescoço não for tratada, pode infectar-se.
Isso pode causar inchaço dos gânglios linfáticos circundantes.
Entre as causas também estão:

 

Linfonodo reativo significa câncer?

Geralmente, quando se descrevem os linfonodos como “reativos”, significa que o nódulo linfático ou um grupo de nódulos linfáticos estão inchados.

Na maioria dos casos, esta anomalia é causada por uma doença benigna, por exemplo:

  • Irritação,
  • Infecção,
  • Inflamação.

 


Sintomas de doenças que causam linfonodos do pescoço inchados e inflamados

A linfadenite crônica inespecífica não causa sintomas, além dos gânglios linfáticos inchados.
Se também ocorrer um dos seguintes sintomas, o paciente pode ter uma infecção (é a causa mais provável) ou um tumor.
Estes sintomas podem ser causados por outras doenças menos graves.
Os sintomas incluem:

 

Diagnóstico e exames para linfonodos do pescoço inchados

  • O médico pede ao paciente que descreva os sintomas e o histórico médico.
    Em seguida, é necessário um exame físico para avaliar se os linfonodos palpáveis estão um pouco ou muito inchados.
  • Os linfonodos superficiais são percebidos com o toque e muitas vezes são visíveis, mas para o diagnóstico são necessários os exames instrumentais.
  • Os exames de diagnóstico mais indicados são:

 

Quando se preocupar? Quando os linfonodos do pescoço inchados são perigosos?

  • Inchaço que permanece por mais de 2-4 semanas
    O inchaço persistente que dura mais de quatro semanas pode indicar uma doença grave, embora muitas vezes a causa seja benigna.
  • Inchaço dos gânglios linfáticos em todo o corpo
  • Linfonodos duros, grandes, indolores e fixos
  • A posição das glândulas inchadas é importante para determinar as possíveis causas.
    O inchaço dos linfonodos supraclaviculares requer uma avaliação médica imediata para excluir um tumor maligno.

 

 Linfonodos,inchadosTratamento dos linfonodos do pescoço inchados

O tratamento depende da causa.

Infecções – geralmente, os gânglios linfáticos inchados no pescoço são causados por uma infecção.

  • Geralmente os gânglios linfáticos inchados doem e é possível aplicar compressas quentes,
  • O médico pode aconselhar anti-inflamatórios não esteroides (como ibuprofeno),
  • Se houver suspeita de infecção bacteriana, os antibióticos são indicados,
  • Em caso de formação de um abcesso no linfonodo, pode servir uma drenagem cirúrgica.

Câncer – as opções de tratamento para os linfonodos inchados na região do pescoço causados por um câncer são:

  • Cirurgia,
  • Radioterapia e/ou quimioterapia,

O tratamento depende:

  • Do tipo,
  • Da localização,
  • Da propagação do câncer.

Geralmente, o câncer que causa o inchaço do linfonodo encontra-se em um estágio avançado (exceto para cânceres do sistema linfático, como linfoma que se origina nos gânglios linfáticos).


Linfonodos do pescoço inchados em crianças

Os linfonodos cervicais (presentes no pescoço) são muitas vezes afetados por muitas infecções respiratórias que ocorrem na infância.
Uma das causas mais comuns de gânglios linfáticos inchados em crianças e recém-nascidos é a amigdalite.

Volta às aulas
Os gânglios linfáticos inchados não são contagiosos.
Se os linfonodos cervicais aumentados estiverem associados com resfriado, dor de garganta ou outras infecções, a criança pode voltar para a escola quando:

  • Não tiver mais febre,
  • Se sentir bem o suficiente para participar das atividades normais.

 

Leia também