Dor na pele

ÍNDICE


A dor na pele (ou alodinia) é um sintoma comum de uma queimadura na pele ou tem uma origem neuropática e pode causar uma sensação de formigamento (parestesia ou dormência).
A hipersensibilidade da pele a diferentes tipos de estímulos pode ser um sinal de outras doenças, por exemplo a desnutrição, problemas nervosos ou uma infecção viral.

Causas da dor na pele

Existem muitas causas possíveis de dor na pele, que se torna hipersensível ao toque, e podem ir de uma simples queimadura de sol a uma doença grave.

Possíveis causas:

Exposição prolongada ao sol – provoca uma queimadura de primeiro ou segundo grau que causa dor ao tocar a pele.
As áreas mais afetadas são a testa, rosto, ombros, abdômen e braços, mas as pessoas que praticam alguns esportes podem ter queimaduras em outras partes, por exemplo, os surfistas têm queimaduras nas costas, pescoço e atrás das pernas.

Neuropatia – pode ser causada por lesão ou compressão dos nervos que provoca uma hipersensibilidade na pele.
A origem da neuropatia periférica pode ser diabetes, deficiência de vitamina B ou um trauma.

Enxaqueca – as pessoas que sofrem de enxaqueca podem sentir dor na pele mesmo simplesmente penteando o cabelo ou ao colocar um colar.

Herpes zóster – uma infecção prévia de varicela pode causar uma complicação tardia chamada de herpes zóster ou fogo de santo Antônio.
Esta é uma doença em que as erupções cutâneas ou bolhas aparecem em uma parte do corpo e a pele se torna mais sensível ao toque, como se estivesse queimada.
As áreas mais afetadas são as pernas, costas, flancos, a área intercostal e seios.

Fibromialgia – é uma síndrome caracterizada por dor crônica no corpo, fadiga, distúrbios do sono e alodinia.

Doenças desmielinizantes – estas são doenças que afetam o sistema nervoso, em que a bainha de mielina (externa) que cobre a célula nervosa é danificada, com a consequência de vários sintomas, incluindo dor ou hipersensibilidade da pele.
De acordo com uma nova pesquisa da Temple University em Filadélfia, as lesões anormais da pele que causam coceira e dor podem indicar um tumor na pele (por exemplo melanoma).

Defesa tátil (transtorno de modulação sensorial) – é um distúrbio neurológico que afeta os neurotransmissores e suas funções. Isso provoca a recepção e o envio de sinais inadequados para os nervos sensoriais do cérebro; a consequência é a hipersensibilidade da pele ao toque. Às vezes essa dor pode ser muito irritante e causar problemas para a pessoa que sofre; por exemplo, até mesmo tocando suavemente ou com uma pressão mínima, pode ocorrer dor cutânea.

Deficiências de vitaminas – algumas vitaminas, tais como tiamina, piridina, biotina e riboflavina, são essenciais para uma pele saudável. A deficiência dessas vitaminas pode causar hipersensibilidade e pode provocar uma sensação de formigamento ou às vezes de alfinetadas e agulhadas sob a pele.

Doença arterial periférica  esta doença ataca o sistema circulatório, afetando os vasos sanguíneos que transportam sangue e oxigênio para os vários órgãos internos do corpo humano.
Quando as células de sangue na pele ficam desprovidas de sangue, elas se rompem causando dor e sensação de alfinetadas e agulhadas na pele.
Às vezes a pele pode tornar-se hipersensível devido a sensações de formigamento e coceira.

Outras causas

  • Celulite
    A celulite é uma infecção bacteriana que provoca pele vermelha, dolorida, inchada e quente.
  • Eczema infantil
    O eczema em crianças e em bebês é uma forma comum de erupção cutânea que provoca vermelhidão, bolhas, inchaço, coceira, etc.
  • Queratose solar (ou ceratose actínica)
    A queratose solar é uma lesão escamosa ou semelhante a uma crosta que aparece na pele por causa da contínua e excessiva exposição ao sol.
  • Retenção de água
    A retenção de líquido é um acúmulo de líquido nos tecidos do organismo que causa inchaço.
  • Equimose ou contusão
    Uma equimose ou uma contusão causam alteração da cor da pele, inchaço e dor.
  • Hematoma
    O hematoma é um acúmulo de sangue no tecido causado pelo rompimento de um vaso sanguíneo e geralmente se forma após uma lesão.
    O paciente tem uma sensação igual a uma equimose.
  • Coágulo de sangue nas pernas
    A trombose venosa profunda nas pernas pode se tornar muito perigosa; os sintomas incluem dor, vermelhidão e inchaço da perna.
  • Doença renal crônica
    A doença renal crônica pode causar pressão alta, fadiga e fraqueza.
  • Eritema Migrans (ou erupção cutânea olho-de-boi)
    O eritema Migrans é uma erupção em forma de um olho de boi e é um dos sintomas da doença de Lyme.
  • Abscesso
    Um abscesso da pele é uma bolha dolorosa, inchada, vermelha e quente que pode se romper e de onde sai o pus.
  • Insuficiência cardíaca congestiva
    A insuficiência cardíaca congestiva pode causar falta de ar, fadiga, arritmia (batimento cardíaco irregular) e assim por diante.
  • Cisto pilonidal
    O cisto pilonidal é formado sob a pele na área do cóccix e geralmente contém resíduos de pele e cabelo.
  • Esporotricose
    A esporotricose é uma infecção fúngica que pode causar bolhas sem dor nos dedos, mão e braço.
  • Pitiríase rósea (de Gibert)
    A pitiríase rósea é uma erupção cutânea que provoca manchas ovais rosa, avermelhadas ou arroxeadas no peito, estômago, braços e pernas.
  • Sarampo
    O sarampo é uma infecção viral altamente contagiosa que causa febre, tosse, erupções cutâneas, dor de garganta, etc.
  • Síndrome do choque tóxico (SCT)
    A síndrome do choque tóxico é uma infecção bacteriana grave que causa febre, hipotensão, erupção cutânea etc.

 




Dor na pele da cabeça

  • Tricodinia
    A tricodinia é uma doença que provoca dor no couro cabeludo, ardência, formigamento, coceira e às vezes perda de cabelo.
  • Cabelo amarrado
    Quando a pessoa amarra o cabelo atrás da cabeça, pode sentir dor no couro cabeludo; aconselha-se reduzir a tensão antes de colocar o elástico.
  • Foliculite
    A foliculite é uma infecção de um ou mais folículos pilosos que pode causar manchas vermelhas e doloridas ou bolhas na pele.
  • Tinea (do couro cabeludo ou do rosto)
    A tinea é uma infecção fúngica que provoca uma sensação de coceira e úlceras em forma de anel na pele da cabeça.
  • Piolhos
    Os piolhos são pequenos insetos que infestam o cabelo e o couro cabeludo causando uma sensação de prurido.

 


Dor na pele dos órgãos genitais masculinos

 


Dor na pele causada por picadas de insetos ou alergias de contato

  • Picada de inseto
    As picadas de insetos podem causar vermelhidão, inchaço e coceira.
  • Picada da aranha marrom (ou aranha violino)
    Uma picada de aranha marrom causa uma lesão, dor, vermelhidão, náusea, dor muscular e febre.
  • Hera venenosa, carvalho venenoso e sumagre venenoso
    O contato com a hera venenosa, o carvalho venenoso e o sumagre venenoso provoca reação alérgica com coceira e vergões (bolhas duras de cor rosa semelhantes a picadas de mosquito, consequência comum da urticária) e borbulhas.
  • Doença de Lyme
    A doença de Lyme é uma infecção bacteriana que se espalha através da picada de carrapato; os sintomas incluem calafrios, febre, etc.
  • Dermatite de contato alérgica
    A dermatite de contato é uma erupção cutânea que provoca coceira, dor, rigidez, inchaço e bolhas.

 

Gravidez
Nos últimos meses de gravidez a barriga cresce muito e a pele em torno do umbigo fica muito esticada; portanto, pode provocar desconforto.

Queimaduras (com fontes de calor ou fogo)
Uma queimadura causada pelo calor chama-se queimadura térmica e pode causar dor, inchaço, alterações da pele, bolhas, etc.
Uma queimadura química pode resultar em sintomas tais como:

 


Tratamento e remédios naturais para dor na pele

O tratamento para este tipo de dor depende da causa.
Após ter apurado as causas da doença, os médicos podem sugerir um tratamento adequado.

Os remédios e medicamentos que são usados geralmente para reduzir a dor são:

  • Tramadol
  • Lidocaína
  • Mexiletina
  • Adenosina
  • Venlafaxina
  • Alfentanil

Os medicamentos anti-inflamatórios, como naproxeno, também podem ajudar a prevenir a dor no sistema nervoso central e tratar a alodinia.
É possível ter alívio usando analgésicos locais, tais como cremes contendo capsaicina.
Em caso de queimadura, recomenda-se um creme pós-sol.
Para os hematomas é possível esperar ou o tratamento mais rápido é a T.E.C.R. (Transferência de energia capacitiva e resistiva) para pessoas que não têm contraindicações.

Alergias e intolerâncias
A intolerância da pele pode causar reações diferentes, como lesões, inflamações, bolhas, vergões, pústulas, manchas vermelhas e inflamadas.
Também pode causar dor, dormência e uma sensação de ardor na pele.


Pele, camadas, derme,anatomia,hipoderme,fibras colagenas,tecido adiposoCausas de alergia ou intolerância

A reação alérgica pode ser causada por muitos fatores.
Entre os fatores mais importantes e populares estão:
1. Ambiente,
2. Alimentação,
3. Raça,
4. Idade,
5. Gênero (masculino ou feminino),
6. Predisposição genética.
A lista dos possíveis alérgenos e das causas é longa.
Algumas das causas estão listadas abaixo:

  • Exposição prolongada ao sol
  • Exposição prolongada ao calor
  • Exposição prolongada ao frio e ventos frios
  • Umidade alta
  • Ambiente muito seco
  • Aquecimento seco dentro da casa durante o inverno
  • Sais marinhos e brisa do mar
  • Exposição à radiação e radioterapia
  • Poeira, ácaros e pelos de animais de estimação
  • Substâncias químicas nos cosméticos
  • Substâncias químicas colocadas nos alimentos e nos conservantes
  • Alguns tipos de alimentos, geralmente ocorre depois de comer
  • Flores e pólen
  • Medicamentos e formulações
  • Quimioterapia
  • Produtos químicos nas tintas e vernizes
  • Formalina e formaldeído em produtos de uso diário
  • Pesticidas
  • Antibióticos
  • Fungicidas
  • Plásticos, polímeros, resinas, adesivos, lacas e borracha
  • Contato com metais como ouro, prata, níquel, cobre, etc.
  • Bases ou ácidos em produtos de uso diário


Dor na pele e manifestações cutâneas

A manifestação mais frequente é o eczema ou dermatite que pode causar lesões na pele com comichão, pele seca e rachada, escamosa, dura, úmida e inflamada.

A fotodermatite crônica (dermatite actínica crônica ou fotoeczema) é uma doença em que a pele reage à luz solar ou artificial e torna-se inflamada.

A dermatite de contato é uma doença alérgica da pele que provoca uma erupção limitada e lesões quando a pele entra em contato com uma substância alérgica (alérgeno). A camada da pele mais afetada é aquela superficial (epiderme).
A dermatite de contato provoca uma sensação de coceira e uma inflamação que pode durar vários dias mesmo após a remoção do agente irritante.

A dermatite seborreica (ou caspa) é uma doença da pele causada por fatores desconhecidos. Pode ser identificada pela hipersensibilidade, erupções cutâneas, manchas vermelhas com coceira e afeta principalmente o couro cabeludo e o peito.
A erupção cutânea pode ser causada por sabões, detergentes, hormônios e fatores genéticos e ambientais; outras possíveis causas podem ser o fungo Malassezia furfur, uma ingestão excessiva de vitamina A em crianças e a falta de vitaminas do complexo B, incluindo biotina, piridoxina e riboflavina.

A dermatite atópica é uma inflamação crônica, persistente, não contagiosa que provoca uma sensação de coceira. Embora a causa exata não seja conhecida, entre os fatores que causam a erupção ou agravamento da doença estão os alimentos, os produtos químicos e o ambiente.
As áreas mais afetadas são: o lado interno do cotovelo e do joelho.