Infecção urinária

INDICE


 

A infecção urinária é uma doença provocada pela invasão de microrganismos parasitas no organismo, por exemplo vírus, bactérias, fungos, protozoários, etc.

Muitos seres vivos vivem dentro e fora do nosso corpo.
Normalmente, estes organismos são inofensivos ou mesmo útil, mas sob determinadas condições, pode causar uma doença.
Algumas doenças infecciosas pode ser transmitida de pessoa para pessoa.

 

Outras infecções são transmitidas por picadas de insetos ou de animais.
É possível desenvolver uma doença infecciosa a partir da ingestão de alimentos ou água contaminada ou outras exposições no ambiente.
Uma pequena infecção pode ser tratada com remédios caseiros, enquanto outras podem causar risco de vida e precisa de hospitalização.


 

Causas da infecção

As doenças infecciosas podem ser causadas por:
Bactérias. Estes organismos consistem de uma única célula e são responsáveis por doenças tais como dor de garganta, infecções do tracto urinário e tuberculose.
Vírus. Mesmo que eles são menores do que as bactérias, infecções virais incluem muitas doenças, como herpes e a AIDS.
Fungos. Muitas das doenças da pele, tais como micose e pé de atleta são causadas por fungos.
Outros tipos de fungos podem infectar os pulmões ou sistema nervoso.
Parasitas. A malária é causada por um parasita minúsculo e é transmitida por uma picada de mosquito.
Outros parasitas pode ser transmitida aos seres humanos por fezes dos animais.


 

Tipos de infecção

Infecção do Trato Urinário

A infecção do trato urinário é encontrada em qualquer parte do sistema urinário: rins, ureteres, bexiga e uretra.
As mulheres têm um maior risco de desenvolver uma infecção urinária do que os homens. Uma infecção limitada à bexiga pode ser dolorosa e irritante. No entanto, pode haver consequências graves se espalha para os rins.
Pacientes com cateteres, que se submetem a cirurgia urinária ou homens com a próstata aumentada estão em maior risco de infecções do trato urinário.
Os sintomas de uma infecção do trato urinário variam de acordo com o gênero (masculino ou feminino), idade e a zona infectada; certos sintomas se desenvolvem de acordo com o agente infeccioso.
Entre os sintomas de infecção do trato urinário são: dor vaginal ou retal, sensação de queimação na pele, vontade constante de urinar, sangue na urina e febre.

 

Candida

A candida é um fungo que normalmente infecta a pele. É bastante comum e pode envolver praticamente qualquer área da pele ou do corpo. Geralmente é visto em ambientes quentes e úmidos, como as axilas e a virilha.
A infecção por Candida ou Candidíase é mais comum em pessoas com :
Um sistema imunológico enfraquecido devido a certos medicamentos e doenças, como

Os sintomas de uma infecção por candida ou candidíase da pele são: coceira intensa, erupções cutâneas nas dobras da pele, nos orgaõs genitais, nádegas, embaixo dos seios e em outras áreas da pele
A higiene e saúde em geral são muito importantes para o tratamento de infecções por candida.
Precisar manter a pele seca e exposta ao ar.
Os antifúngicos podem ser aplicados como cremes, pomadas ou pó, para o tratamento de uma infecção por candida da pele boca ou vagina.
Os medicamentos antifúngicos por via oral podem ser necessários para infecções por candida graves que envolvem a boca, garganta ou vagina.

 

A vaginose bacteriana

A vaginose bacteriana é uma infecção que ocorre quando certos tipos de bactérias encontradas na vagina crescem muito.
É a causa mais comum de corrimento vaginal em mulheres em idade fértil. Normalmente o corrimento vaginal é fino e amarelo ou branco-acinzentado com um odor de peixe.
Os possíveis fatores desencadeantes de vaginose bacteriana são:

  • Sabonetes ou sprays perfumados para higiene feminina
  • Um sistema anticoncepcional intra-uterino (S.I.U)
  • Antibióticos.

Os sintomas possíveis são:

  • Um mau cheiro na vagina que pode parecer de peixe
  • Mais secreções (fluido) da vagina do que o habitual
  • As secreções cinzas ou brancas e leitosas
  • Coceira ao redor da vagina.

 

Infecção intestinal

Infecção intestinal é uma doença causada por patogénios que invadem o tracto digestivo.
O intestino grosso é a parte inferior do tracto digestivo humano. É a sede de muitos tipos de bactérias que causam infecções.
No entanto, algumas bactérias nocivas podem estar presentes em um número suficientemente elevado para causar a doença. Similarmente, os vírus ou outros agentes patogénicos podem causar uma infecção.
Quando uma pessoa tem uma infecção intestinal pode sentir sintomas bastante desagradáveis , como diarréia. Em alguns casos, os movimentos intestinais não são normais, o deslocamento de alimentação torna-se difícil. As fezes podem ter uma forma ou cor diferente.
Além de sintomas como a aparência e consistência das fezes, infecção intestinal pode causar inchaço e flatulência (gases).
O abdômen pode tornar-se delatado e você pode sentir uma sensação de mal-estar.
Em alguns casos, uma infecção intestinal é acompanhada por febre ou sangramento do reto.
Uma vez que o médico tenha determinado a causa da infecção intestinal, pode decidir o tratamento mais adequado. A terapia pode incluir antibióticos ou de repouso e líquidos, dependendo da gravidade da infecção e da causa. Em alguns casos são também prescritos laxantes.


 

Infecção do sangue ou sepsis

A sepse ou septicemia é uma doença em que o corpo está lutando contra uma infecção grave que se espalhou através da corrente sanguínea. Se um paciente tem sépsis, provavelmente sofre de pressão baixa o que leva a má circulação e falta de nutrientes para órgãos vitais e tecidos.
Este distúrbio é chamado de choque e por vezes, indicado como choque séptico se a infecção é a causa.
A septicemia se desenvolve como conseqüência do sistema de defesa do corpo, ou por causa das substâncias tóxicas produzidas do agente infeccioso (por exemplo, bactérias, vírus ou fungos).



Os sintomas de sepse
Dado que a sepsis pode começar em diferentes partes do corpo, pode haver diversos sintomas. A respiração rápida e uma alteração no estado mental, tais como diminuição da vigilância ou confusão podem ser os primeiros sinais de sepsis.
Outros sintomas freqüentes são :

 

 

Tratamento para sepse

O primeiro passo para curar a sepsis é um diagnóstico rápido. Quando se suspeita de sépsis, o médico realiza testes para procurar as bactérias, o número de glóbulos brancos, plaquetas e a pressão sanguínea.

A terapia da sepse normalmente começa com:

  • Antibióticos de amplo espectro que matam muitos tipos de bactérias
  • Fluidos para manter a pressão arterial a níveis normais
  • Oxigênio para manter a oxigenação do sangue normal.

Depois de ter identificado o agente infeccioso, o médico pode mudar para um fármaco específico para esse agente particular.


 

Contato indireto

Podemos entrar em contato com organismos patogênicos também por contato indireto.
Muitos micróbios podem permanecer em um objeto, como uma mesa, uma alça ou torneira.
Quando você toca uma maçaneta que tem estado em contacto com um indivíduo infectado, você pode pegar os germes que ele deixou. Se você em seguida toca os olhos, boca ou nariz antes de lavar suas mãos, você pode se infectar.

Contaminação de Alimentos, os patógenos usam também uma outra maneira de se espalhar através da água e dos alimentos contaminados.
Este mecanismo de transmissão permite os germes de infectar muitas pessoas através de uma única fonte.

As frutas podem ser contaminados

frutas,legumes,alimentos contaminados,escherichia coli
As frutas podem ser contaminadas
Olegkalina/bigstockphoto.com

A Escherichia coli, por exemplo, é uma bactéria presente em certos alimentos como o hambúrguer mal cozido ou frutas e vegetais sujos.

Picadas de insetos, alguns germes usam insetos como vetores, por exemplo se move através de mosquitos, pulgas, piolhos e carrapatos de um ser vivo para outro.
Por exemplo, os mosquitos podem transportar o parasita da malária.

Sintomas
Cada doença infecciosa tem os seus próprios sinais e sintomas específicos.
Em geral, os sintomas mais freqüentes são:


 

Complicações

As doenças mais infecciosas podem causar apenas leves complicações, mas algumas infecções, tais como pneumonia, meningite e AIDS podem ser fatais.
Alguns tipos de infecções tem sido associada a um risco de longo prazo aumentado para o câncer:


 

Teste e Diagnóstico

O seu médico pode pedir exames laboratoriais (sangue, urina, etc.) ou testes instrumentais, como a ressonância magnética para ajudar a determinar a causa dos sintomas.

Com o exame de sangue pode ser notado um aumento Infecção urináriade neutrófilos que geralmente indica uma infecção bacteriana ou podemos ver um aumento de linfócitos que está ligado a uma infecção viral.
Os outros parâmetros a serem controlados se você suspeita de uma infecção são o taxa de sedimentação de eritrócitos (ESR) e proteína C – reativa.

O exame de urina analisa a coloração da urina, se a cor é esverdeada ou se houver sangue pode indicar uma infecção do tracto urinário. Se a urina tem um odor de àgua sanitària pode ser uma infecção bacteriana.
Outros testes de diagnóstico são úteis para infecções : O tampão da faringe, punção lombar, radiografia, ressonância magnética e biópsia.

 


 

Tratamentos e fàrmacos

Se o seu médico conhece o tipo de germe que causa a doença a escolha do tratamento adequado é mais fácil.
Os antibióticos são agrupados em famílias iguais.
As bactérias são classificadas em grupos de tipos semelhantes, tais como Escherichia coli ou Streptococcus.
Alguns tipos de bactérias são particularmente sensíveis às particulares famílias de antibióticos. Assim, o tratamento é mais direcionado e os resultados são melhores.

Os antibióticos são indicados apenas para as infecções bacterianas, enquanto estes tipos de fármacos não têm nenhum efeito sobre as infecções causadas por vírus.
Às vezes é difícil dizer qual o tipo de germe é responsável pela patologia.
Por exemplo, alguns tipos de pneumonia são causadas por vírus, enquanto outros são causadas por bactérias.
O uso exercissivo de antibióticos provocam à formação de bactérias mais resistentes aos antibióticos.
Isso torna muito mais difícil a eliminação destes organismos patogênicos.
Os fàrmacos antivirais têm sido desenvolvidos para o tratamento de certos virus, por exemplo :

As micoses são infecções fúngicas que podem afetar os pulmões ou a membrana mucosas da boca e da garganta, mais frequentemente em pessoas que têm o sistema imunológico enfraquecido. Antifúngicos são os medicamentos de escolha para este tipo de infecção.
Algumas doenças como a malária são causadas por pequenos parasitas.

Existem medicamentos para o tratamento destas doenças, algumas variedades de parasitas que desenvolveram resistência aos medicamentos.


 

Estilo de vida e remédios caseiros
Uma doençaa infecciosa como resfriados pode curar por si só.
Você tem que beber muito líquido e descansar.

 

 

 

    Leia também